Antecipação

Aston Martin Valkyrie. O motor atmosférico mais potente de sempre?

A culpa foi da Cosworth, e nós agradecemos: o Aston Martin Valkyrie vai ter o mais potente motor atmosférico já instalado num carro de estrada!

Ansiosamente aguardado, especialmente face ao tempo que já leva sobre a data da primeira apresentação, então ainda com muitas incógnitas relativamente aos aspetos técnicos, o futuro hiperdesportivo da Aston Martin, o Aston Martin Valkyrie, acaba de ver desvendado, inadvertidamente, alguns dos seus “segredos” mais bem guardados relativos ao motor.

A culpa foi da Cosworth, precisamente a responsável pela preparação do propulsor. A qual, quiçá por “engano”, publicou um tweet, no qual revelava que o Valkyrie irá contar com o mais potente motor atmosférico alguma vez utilizado num automóvel de estrada — um 6.5 V12 a debitar qualquer coisa como 1145 cv de potência máxima(!), 176 cv/l.

Surpreendente — recordamos-te que o V12 atmosférico de igual capacidade mais potente da atualidade, produzido em série, é o do Ferrari 812 Superfast, que debita “apenas” 800 cv de potência!

Aston Martin Valkyrie
RELACIONADO: Aston Martin Valkyrie está quase pronto (mesmo quase…)

V12 atmosférico… ou híbrido?

O tweet foi imediatamente apagado — sinónimo de confirmação?... —, pelo que embora nada seja ainda oficial, faz levantar algumas questões.

Face à potência agora desvendada, será que existe a possibilidade dos 1145 cv serem conseguidos com recurso não apenas e só ao V12 tratado pelas “mãos mágicas” da Cosworth, mas mediante a inclusão de um sistema KERS, semelhante aos usados na Fórmula 1?

Recorde-se que o valor agora “anunciado” suplanta consideravelmente os 1000 cv prometidos, tanto pela Aston Martin, como pela Red Bull Racing, aquando da primeira apresentação do Valkyrie, pelo que os 1145 cv previstos poderão ser efetivamente a potência combinada das duas motorizações.

RELACIONADO: O que é que o Aston Martin Valkyrie tem a ver com um Fórmula 1? Tudo.
Aston Martin Valkyrie

Seja como for, retirar 1000 cv de um motor atmosférico é obra; e caso se confirmem, efetivamente, os impressionantes 1145 cv, estes não só deverão suplantar os valores prometidos para o rival Mercedes-AMG Project One, como fazem levantar a questão: sendo este o valor para o Valkyrie regular, que potência será então de esperar para a já prometida versão mais radical AMR Pro?…

São só 2,8 milhões… de euros, claro!

As 150 unidades do Aston Martin Valkyrie, mais os 25 carros destinados a uso exclusivo em circuito, deverão começar a ser entregues apenas em 2019, com cada cliente a pagar pelo seu novo hiperdesportivo mais de 2,8 milhões de euros. Facto que não terá evitado que todas as unidades tenham já, segundo as últimas informações, dono escolhido.

Aston Martin Valkyrie

Sabes responder a esta?
Em que ano foi lançado o Elise?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lotus Cars celebra 70 anos, a queimar borracha. E o futuro promete

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos