Apresentação

PSA apresenta novos comerciais Partner, Berlingo e Combo

Anunciados antes do Salão de Genebra, os novos Peugeot Partner, Citroën Berlingo e Opel Combo acabam de ser desvendados nas respetivas versões de produção.

Propostas comerciais ligeiras hoje em dia todas elas pertencentes ao Grupo PSA, os novos Peugeot Partner, Citroën Berlingo e Opel Combo acabam de ser revelados nas suas versões comercialmente mais expressivas, depois de terem sido inicialmente apresentados, na versão de passageiros, ainda antes do último Salão Automóvel de Genebra.

Anunciando não apenas um novo design, mas também maior funcionalidade em qualquer um dos modelos, realce, no caso do Peugeot Partner, para a adaptação do conhecido posto de condução dos veículos de passageiros da marca, o i-Cockpit, ao universo dos comerciais.

A par desta evolução, uma melhor visibilidade, resultado da adoção de câmaras exteriores na parte inferior do retrovisor do lado do passageiro e no topo das portas traseiras. Solução já conhecida dos comerciais pesados e cujas imagens são projetadas, no caso do Partner, num ecrã de 5″ posicionado, precisamente, onde costuma estar o espelho retrovisor interior.

Outra novidade, é o chamado Alerta de Excesso de Carga e que se manifesta através de um LED branco que acende, assim que 90% da capacidade de carga é atingida. Caso o máximo de carga permitido seja ultrapassado, é um LED amarelo que acende, acompanhado de um alerta visual no painel de instrumentos.

Disponível à partida num comprimento de 4,4 metros, com uma área de carga com um comprimento útil de 1,81 m e um volume de carga entre os 3,30 e os os 3,80 m3, o Peugeot Partner é igualmente proposto numa versão longa, com 4,75 m de comprimento e um comprimento útil de 2,16 m e um volume de carga entre os 3,90 e os 4,40 m3. Sendo que o peso máximo permitido varia entre os 650 e os 1000 kg, dependendo da versão, com a Partner menos poluente a poder transportar apenas até 600 kg.

Estes valores são, como seria de esperar, os mesmos que podemos encontrar no Citroën Berlingo e Opel Combo.

A nova Peugeot Partner deverá chegar aos mercados durante o próximo mês de novembro, por preços ainda por divulgar.

Citroën Berlingo com duas versões para utilizações distintas

Já a “prima” Citroën Berlingo, desvenda uma terceira geração sem alterações nos comprimentos propostos, M e XL, com a capacidade máxima de carga a situar-se nos 1000 kg.

Disponível em duas versões distintas, Worker — mais adequada a trabalho de estaleiro, mais 30 mm de distância ao solo, proteção inferior do motor reforçada, Grip Control e pneus “Mud and Snow” (lama e neve) reforçada —; e Driver — adequada a entregas urbanas e longa distância com pack acústico, climatização bi-zona, bancos com regulação do apoio lombar, sensores de chuva e de luz, regulador e limitador de velocidade, travão de estacionamento elétrico, ecrã de 8’’ e sistema Surround Rear Vision.

O comercial francês pode ser ainda adquirido tanto na configuração Crew Cab, com cinco lugares em duas filas de bancos, como na configuração Extenso Cab, sinónimo de três lugares à frente.

Proposta com mais de 20 sistemas de ajuda à condução, a nova Berlingo não só é mais segura que a antecessora, como também já conta com o Alerta de Sobrecarga presente igualmente na Peugeot Partner. Sendo que, do conjunto de tecnologias, fazem parte desde o Cruise Control Adaptativo com função de desligar o motor, até um head-up display a cores, carregador sem fios de smartphones e Controlo de Tração, e também quatro sistemas de conectividade.

Já no domínio das motorizações, blocos de última geração, entre os quais, o recentemente lançado 1.5 BlueHDI e o conhecido 1.2 PureTech a gasolina — os mesmos disponíveis no Partner e Combo —, além da disponibilização da nova caixa automática de oito velocidades.

Neste momento, a Citroën já está a receber encomendas para a nova Berlingo, a qual só deverá chegar, no entanto, lá mais para o final do ano

Opel Combo na peugada das “primas” francesas

Finalmente e no que concerne ao Opel Combo, comercial que arranca agora com a sua quinta geração, aposta nas mesmas versões Normal e Longa dos modelos franceses, anunciando como peso máximo os mesmos 1000 kg. Não abdicando sequer do mesmo Alerta de Sobrecarga e dos mesmos sistemas de segurança e apoio à condução, já citados nas duas “primas” francesas.

O mesmo se passa, de resto, com o sistema de câmaras para melhor visibilidade exterior, sendo que, opcionalmente, o modelo alemão pode ser equipado ainda com um teto de abrir, para uma maior funcionalidade.

As vendas da nova geração Opel Combo deverão começar em setembro, após a apresentação oficial e mundial do comercial ligeiro alemão, durante o Salão de Veículos Comerciais de Hannover, na Alemanha.

Sabes responder a esta?
Qual o tempo feito pelo Bentley Bentayga em Pikes Peak?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Bentayga Speed “anti-Urus” a caminho e recorde em Pikes Peak

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos