Salão de Paris 2018

Aumenta para 13 o número de marcas que não vão a Paris

O Salão Automóvel de Paris deste ano arrisca-se a ser um certame exclusivo para as marcas francesas. Especialmente, depois dos “italianos” Grupo FCA e Lamborghini terem decidido, também eles, ficar em casa.

O Salão Automóvel de Paris deste ano arrisca-se a ser, cada vez mais, um certame exclusivo para as marcas francesas. Especialmente, depois dos “italianos” Grupo FCA e Lamborghini terem decidido, também eles, ficar em casa.

Exposição automóvel que alterna a realização com o seu homólogo de Frankfurt, na Alemanha, o Salão Automóvel de Paris deste ano já tinha visto marcas como as americanas FordInfiniti, as nipónicas MazdaMitsubishiNissan e Subaru, as alemãs Opel e Volkswagen, e a sueca Volvo, desistirem de marcar presença na Cidade-Luz.

Em risco continuava, por outro lado, a presença das marcas do grupo ítalo-americano FCA — Fiat, Alfa-Romeo, MaseratiJeep —, as quais acabam, agora, de esclarecer todas as dúvidas, com o anúncio do construtor de que, das quatro, apenas uma irá a Paris: a Maserati. Já as marcas mais expressivas, como a Alfa Romeo ou a Jeep, ficam em casa!

RELACIONADO: “Boicote” ao Salão de Paris? Estas 9 marcas não vão estar presentes

Lamborghini também não vai a Paris

De resto e a juntar à maioria das marcas da FCA, um outro construtor italiano, neste caso propriedade do grupo alemão Volkswagen, anunciou igualmente a não participação no certame gaulês: a Lamborghini.

Stefano Domenicalli Lamborghini 2018

Com mais estas desistências, são já 13 as marcas automóveis que não marcarão presença no Salão Automóvel de Paris de 2018, cuja realização está agendada para o período entre 4 e 14 de outubro.

RELACIONADO: Lamborghini Urus. O super SUV italiano já está disponível em Portugal

Porquê?

Entre as razões que explicam estas ausências, está não só a preferência pelas apresentações online, como pelas naturais poupanças financeiras que daí decorrem (é preciso ter presente que a presença num salão é, mesmo para um gigante automóvel, caro…), como também a opção por eventos out of the box e já não só ligados à indústria automóvel.

Consumer Electronic Show 2017

É o caso, por exemplo, dos certames de tecnologia, como o CES (Consumer Electronic Show), o qual acaba por corresponder melhor à procura de novos públicos, numa altura em que o Automóvel já não se resume apenas a ser um meio de transporte, mas é também um concentrado de tecnologia e, já não tão raramente quanto isso, um gadget tecnológico com rodas!

Sabes responder a esta?
Qual a capacidade de carga inicial anunciada para a nova Peugeot 508 SW?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Peugeot 508 SW. Carrinha chega no início do próximo ano

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos