Top 5: as carrinhas que marcaram o Salão de Genebra

Mais desportiva ou mais prática? Potente ou económica? Que tal um pouco de tudo?! Nesta edição do Salão de Genebra foram apresentadas carrinhas para todos os gostos e… carteiras!

Esta edição do certame helvético ficará marcado pela estreia de várias carrinhas capazes de irem ao encontro dos gostos de praticamente todas as famílias. Não fosse o design cada vez mais apelativo destas propostas, teria sido fácil passar ao lado destes modelos de carácter familiar no Salão de Genebra.

RELACIONADO: As melhores imagens do Salão de Genebra no Instagram da Razão Automóvel

De entre as carrinhas presentes, destacamos a presença da novíssima Volvo V90, que marca o regresso da marca sueca a um segmento onde é uma referência – senão mesmo a referência -; a Kia Optima Sportswagon, que alia um design bem conseguido às qualidades reconhecidas aos mais recentes produtos da marca; a Renault Mégane Sport Tourer, que nesta nova geração tem a seu cargo a missão de continuar a senda de sucesso da geração anterior; o Fiat Tipo SW, que compete no segmento value for money com fortes argumentos; e por fim a Audi S4 Avant, para já, a versão mais desportiva da recém lançada geração B9 do Audi A4.

Queres conhecer melhor cada uma delas? Vamos a isso.

1. Volvo V90

Volvo V90 Genebra

Tomara que as fotografias fizessem jus ao design da nova Volvo V90. A Volvo está a passar a melhor fase da sua história recente e isso reflete-se nos seus modelos.

A V90 é o terceiro modelo desta nova linhagem sueca e tem a responsabilidade de honrar o legado das Estate da marca segmento onde a Volvo tem uma longa e bem sucedida tradição. Design? Check. Tecnologia? Check. Espaço, motorizações e equipamento? Check. Parabéns Volvo, conseguiram. Com a nova V90 o segmento das carrinhas de luxo nunca mais será o mesmo.

2. Kia Optima Sportswagon

genebraRA__30

Sete anos consecutivos a crescer não acontecem por acaso – ainda para mais durante a fase mais negra da indústria automóvel. É isso que a Kia tem vindo a conseguir: enquanto grande parte dos outros construtores lutam para manter o nº de vendas a marca coreana cresce. Este crescimento é fruto de uma estratégia de produto bem pensada e e executada.

O Kia Optima Sportswagon é mais um feliz exemplo da evolução contínua da marca. Repete todas as qualidades do Kia Optima e adiciona-lhe a funcionalidade que só uma carrinha pode oferecer (554 litros de bagageira). Tem tudo para afirmar-se no segmento D, onde vai encontrar referências como a Volkswagen Passat, Peugeot 508 e Ford Mondeo.

Numa breve entrevista à Razão Automóvel em Genebra, João Seabra, diretor geral da Kia Portugal, não escondeu o optimismo quanto à receptividade do mercado à Kia Optima Sportswagon. “Há muito que pedíamos à marca uma carrinha como esta. É um modelo muito bem conseguido sob todos os pontos de vista e com o qual acreditamos poder vender quatro vezes mais do que com a versão sedan”. “O segmento de frotas será uma das nossas prioridades, sabemos que temos um longo caminho a percorrer mas temos a certeza que o mercado vai, a pouco e pouco, reflectir o valor dos nossos modelos no valor residual”, terminou.

3. Renault Mégane Sport Tourer

renault megane sport tourer 2016 1

A marca francesa levou até ao certame helvético a Renault Mégane Sport Tourer na versão GT para impressionar os presentes. Conseguiu. Mas nem só de design vive a nova tourer, segundo a marca francesa a Renault Mégane Sport Tourer tem a bagageira mais comprida do segmento: 2,77m (com bancos recolhidos).

Com os bancos traseiros montados, a capacidade da mala é de 570 litros – igualando desta forma a geração anterior. Outra estreia absoluta no segmento é o sistema de rodas direcionais traseiras 4Control. Chega a Portugal em Setembro.

4. Fiat Tipo SW

fiat tipo sw geneva

A Fiat Tipo SW é sem dúvida a proposta mais modesta deste quinteto. Como o campeonato da potência máxima e do luxo não é o seu, apresenta-se a jogo com uns modestos mas valiosos trunfos: relação preço-qualidade, espaço, motorizações ajustadas e qualidade de construção sem falhas.

Tivemos oportunidade de fazer um walk around à Fiat Tipo SW e ficámos agradados com tudo o que vimos. A traseira é elegante, o espaço da mala generoso e por dentro os materiais e a montagem é aquilo que se espera de um modelo deste segmento: solido e durável. Um modelo que tem tudo para ser um sucesso de vendas em Portugal.

5. Audi S4 Avant

Audi_S4_GenebraRA

O grande destaque da Audi em Genebra foi o novo Q2, mas algures entre as luzes e sombras do salão repousava – tão discretamente quanto a cor “Vegas Yellow” permitia… – a novíssima e irrequieta Audi S4 Avant.

Enquanto a poderosa Audi RS4 não chega, as despesas da versão desportiva terão de ser asseguradas pela Audi S4 Avant. A responsabilidade não está mal entregue: tração integral quattro e motor V6 Turbo com 354cv e 500Nm de binário máximo. Esta carrinha muito «apressada» cumpre os 0-100km/h em menos de 5 segundos (4,9 segundos para ser mais preciso). A velocidade máxima está limitada a 250km/h.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos