O primeiro Rimac Nevera foi entregue. O seu dono? Nico Rosberg

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Hipercarros

O primeiro Rimac Nevera foi entregue. O seu dono? Nico Rosberg

O primeiro Rimac Nevera de produção já foi entregue ao seu dono, Nico Rosberg, o campeão de Fórmula 1 de 2016, e o momento ficou registado em vídeo.

Depois de uma longa espera, o primeiro Rimac Nevera de produção foi finalmente entregue ao seu novo proprietário e o «felizardo» está longe de ser um desconhecido — trata-se de Nico Rosberg, campeão mundial de Fórmula 1 em 2016, que comprou o carro depois de ter conduzido o seu protótipo.

O momento da entrega do primeiro Nevera destinado a clientes particulares, com o número #001 — a unidade #000 ficou na posse da Bugatti Rimac — foi «eternizado» num vídeo que agora podemos ver no canal de YouTube do antigo piloto de Fórmula 1.

Antes de ter recebido o seu Nevera, Rosberg teve até direito a uma visita guiada à fábrica onde é produzido o hipercarro elétrico. O seu guia? Nada mais nada menos que Mate Rimac, o fundador da marca croata e diretor executivo da Bugatti Rimac.

A NÃO PERDER: Testámos o Rimac Nevera de 1914 cv. Apenas um «míssil com rodas» ou muito mais que isso?

Um vislumbre do futuro

Foi precisamente no decorrer desta visita que Mate Rimac nos deu um vislumbre do próximo modelo da… Bugatti. Previsto ser o sucessor do Chiron, Mate Rimac afirma que este modelo irá numa “direção totalmente oposta à que a maioria das pessoas provavelmente espera”.

 

Já sabemos que o sucessor do Chiron não será 100% elétrico, mas será eletrificado. Fica por saber que motor de combustão irá recorrer, já que o W16 do Chiron aproxima-se a passos largos da «reforma», ainda que Rimac não tenha descartado a possibilidade de mais um modelo equipado com o colossal motor.

A NÃO PERDER: Mate Rimac: “Há um futuro para os motores a combustão na Bugatti”
Mate Rimac e Nico Rosberg
Mate Rimac acompanhou Nico Rosberg numa visita guiada à fábrica da Rimac e acabou por revelar um pouco do futuro da Bugatti.

Feito à medida

Depois desta visita Nico Rosberg pode finalmente ver e tocar o seu Nevera e o que «salta logo à vista» é a especificação em que o hipercarro elétrico se apresenta.

Segundo Mate Rimac, o piloto alemão optou por uma “especificação agressiva” que é descrita pelo fundador da marca como “a especificação Batmobile”.

No exterior a pintura “Stellar Black” surge associada a secções da carroçaria com fibra de carbono exposta e jantes Vertex que «escondem» pinças de travão em preto mate.

Já no interior com acabamentos em Alcantara a cor preta continua a dominar. Para garantir que esta unidade não é confundida com mais nenhuma, este Nevera conta com uma placa onde encontramos o nome de Nico Rosberg, a sua assinatura e ainda o número desta unidade “001/150”.

O Rimac Nevera

Baseado numa monocoque em fibra de carbono construído para envolver a bateria, o Rimac Nevera apresenta-se com quatro motores elétricos — um por roda — que produzem uma potência combinada de 1914 cv e ainda monstruosos 2360 Nm de binário máximo. A alimentar tudo isto está uma bateria de 120 kWh que permite uma autonomia de até 547 km (ciclo WLTP).

Quanto à performance só a podemos adjetivar como balística, sendo um dos carros de estrada que mais rápido acelera no planeta. Anuncia apenas 1,97s dos 0 a 100 km/h e 9,3s dos 0 aos… 300 km/h (!). A velocidade de ponta é de impressionantes 412 km/h, o valor mais alto anunciado de sempre para um elétrico.

Limitado a 150 unidades, o Rimac Nevera tem preços a começar nos dois milhões de euros… antes de impostos.

Sabe responder a esta?
Qual era a potência do primeiro Dodge Viper?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Aqui só entram motores V10. Fiquem a conhecê-los

Mais artigos em Notícias