Maserati MC20 Cielo «perde» o tejadilho mesmo a tempo do verão

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

Maserati MC20 Cielo «perde» o tejadilho mesmo a tempo do verão

Depois do coupé, o roadster. O Maserati MC20 Cielo é a nova adição à gama do supercarro da marca do tridente.

Com um nome autoexplicativo, o Maserati MC20 Cielo (céu em italiano) apresenta-se como a versão descapotável do MC20, o superdesportivo da marca do tridente que já pudemos testar em estrada e pista.

Para transformar o MC20 num descapotável a Maserati dotou-o de um tejadilho retrátil em vidro que em apenas 20 segundos «desaparece» deixando os passageiros do supercarro italiano de «cabelos ao vento».

O mais interessante acerca deste tejadilho é que pode passar de translúcido a opaco com um simples toque num botão. Segundo a Maserati o sistema — que recorre à tecnologia de Cristais Líquidos Dispersos em Matriz Polimérica (PDLC) — funciona entre temperaturas de -30 ºC e 85 ºC.

A NÃO PERDER: GranTurismo Folgore. Mais de 1200 cv para o primeiro elétrico da Maserati
Maserati MC20 Cielo

Já para guardar o tejadilho a Maserati abdicou da cobertura transparente que nos permitia ver o motor conhecido como Nettuno.

Esta transformação acabou por adicionar mais alguns quilos ao MC20, precisamente 65 kg, um valor inferior aos, por exemplo, 70 kg que o Ferrari F8 Spider «engordou» face ao Coupé equivalente.

Ainda o Nettuno

Mecanicamente o MC20 Cielo recorre ao mesmo V6 biturbo de 3.0 litros com 630 cv e 730 Nm já usado no coupé. A transmissão é também a mesma e está a cargo de uma caixa automática de dupla embraiagem com oito velocidades que envia o binário às rodas traseiras.

Tudo isto permite à Maserati anunciar uma aceleração dos 0 aos 100 km/h de 3s (o coupé faz 2,9s), e dos 0 aos 200 km/h em 9,2s (contra os 8,8s da versão «fechada»). Quanto à velocidade máxima, segundo a marca italiana, essa é superior a 320 km/h.

Maserati MC20 Cielo Spyder
Para «guardar» o tejadilho deixámos de poder ver o V6 do MC20.

Atualizações de pormenor

Não é só na mecânica que o MC20 Cielo é idêntico ao MC20 Coupé, com o novo descapotável da Maserati a contar com uma série de atualizações introduzidas no MY2023 do modelo italiano.

Assim sendo, entre os opcionais temos jantes em fibra de carbono que permitem «poupar» 30 kg, um volante também em carbono ou a coluna de direção ajustável eletricamente.

Já o revisto comando rotativo na consola central é oferecido de série e apresenta-se com um touchpad digital ao centro. Este indica-nos qual dos cinco modos de condução está selecionado, podendo ainda ser usado para ajustar a suspensão.

LEIAM TAMBÉM: Ferruccio vs Enzo: as origens da Lamborghini

Por fim, há a destacar a adoção de uma série de novos sistemas de segurança e ajuda à condução. Assim, aos sensores de estacionamento ou ao sistema de monitorização do ângulo morto juntam-se a travagem autónoma de emergência, o reconhecimento de sinais de trânsito e uma câmara 360º.

Para já a Maserati não revelou quais os preços do novo Maserati MC20 Cielo nem quando planeia lançá-lo no mercado, mas já sabemos que terá direito a uma série especial de lançamento.

Designada PrimaSerie Launch Edition, estará limitada a cerca de 60 unidades que se vão apresentar na nova cor “Acquamarina” (que faz parte do programa de personalização “Maserati Fuoriserie”), novas jantes e logótipos específicos.

Sabe responder a esta?
Com que Ferrari é que os Maserati Coupe e Spider partilhavam o motor?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

As máquinas com motores Ferrari que não são Ferrari

Mais artigos em Notícias