Que descoberta! Este Ford Mustang Shelby GT350 esteve décadas abandonado

Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Descoberta

Que descoberta! Este Ford Mustang Shelby GT350 esteve décadas abandonado

Escondido numa garagem há décadas, este Mustang Shelby GT350 é um de apenas 562 exemplares produzidos em 1965.

Um dos automóveis mais famosos e desejados da indústria automóvel norte-americana, o Ford Mustang Shelby GT350 é daqueles carros que quem tem dificilmente esquece.

Contudo há exceções e ao que parece alguém se «esqueceu» de um exemplar deste raro — e caro — desportivo americano numa garagem durante vários anos. O carro foi descoberto por um indivíduo chamado Zach Taylor e tudo aconteceu quase por acaso e graças ao Facebook.

Foi lá que Zach Taylor comprou um volante para um Mustang Shelby de 1966 e em conversa com a família que lho vendeu, descobriu que estes tinham alguns «tesouros» guardados numa casa que haviam herdado.

A NÃO PERDER: As primeiras imagens do novo Ford Mondeo, mas só para a China

Que tesouros? Um Ford Mustang de 1965, um outro de 1991 (Fox body) e, a jóia da coroa, o Mustang Shelby GT350 de 1965 de que vos falamos hoje.

Um autêntico «unicórnio»

Um de apenas 562 exemplares do Mustang Shelby GT350 produzidos em 1965, este «unicórnio» viu a corrosão danificar-lhe um pouco a carroçaria, mas sem causar danos irrecuperáveis. Já o interior apresentava-se em melhor estado, tendo bastado uma limpeza para recuperar parte do seu charme original.

Quanto à mecânica, e apesar de ter sido negligenciado durante vários anos, este Mustang Shelby GT350 já «voltou à vida» e nem foi preciso muito trabalho. Segundo contou o novo dono, Matt Taylor, à Fox News, o V8 foi restaurado. Além da reparação do motor, Matt Taylor mudou a suspensão, o depósito de combustível e o escape.

Ford Mustang Shelby GT350

Curiosamente, o novo dono deste Mustang Shelby GT350 não restaurou o exterior, mantendo a corrosão como uma forma de contar a história de um carro que, apesar da sua raridade e elevado valor comercial, Matt Taylor não planeia vender tão depressa.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi revelado o Ford Puma (coupé)?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Ainda te lembras dos pequenos coupé dos anos 90?

Mais artigos em Notícias