Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Pneus

O rótulo dos pneus mudou. Fiquem a conhecê-lo em detalhe

Já os conhecemos, mas o rótulo dos pneus mudou e com eles vem um novo desenho e mais informação destinada aos consumidores.

Os rótulos dos pneus não são de todo uma novidade, mas a partir de hoje, 1 de maio de 2021, passa a haver um novo rótulo que, além de um novo desenho, também terá mais informação.

O objetivo, como o anterior, é o de ajudar o consumidor a efetuar escolhas melhor informadas sobre um dos mais importantes equipamentos de segurança do nosso automóvel — afinal, os pneus são a nossa única ligação à estrada. Convém fazer boas escolhas quando chega altura de os substituir.

O novo rótulo dos pneus faz parte do Regulamento (UE) 2020/740 — consultem-no para saber pormenorizadamente todos os detalhes sobre o mesmo.

VEJAM TAMBÉM: Sabes ler o código e a etiqueta dos pneus?
Rótulo dos pneus 2021
O novo rótulo que acompanha o pneu.

Rótulo dos pneus. O que mudou?

O novo rótulo dos pneus mantém algumas informações do atual, nomeadamente onde se insere na escala de eficiência energética e de aderência em piso molhado, e qual o seu ruído exterior de rolamento. Mas há diferenças relativas a estas informações, como foram adicionadas novas. Fiquem a conhecê-las:

Escala de eficiência energética e aderência em piso molhado — passa de sete a cinco níveis, ou seja, se antes ia de “A” (muito bom) a “G” (mau), agora vai apenas de “A” a “E”.

Ruído exterior de rolamento — além do valor em decibéis, como já acontecia, passa a haver também uma escala de ruído que vai de “A” (muito bom) a “C” (mau), que toma o lugar dos anterior símbolos “)))”.

Identificação do pneu — informação que nos diz qual a marca e modelo do pneu, as suas dimensões, índice de capacidade de carga, categoria de velocidade, classe do pneu — C1 (veículos ligeiros de passageiros), C2 (veículos comerciais ligeiros) ou C3 (veículos pesados) —, e, por fim, o identificador do tipo de pneu.

Pictograma de pneu para neve e para gelo — caso o pneu seja indicado para circular na neve e/ou no gelo, essa informação surgirá na forma de dois pictogramas.

Código QR — quando lido, este código QR permite aceder à base de dados EPREL (European Product Registry for Energy Labelling) onde consta a ficha informativa do produto que inclui não só os valores da rotulagem como ainda o início e fim de produção do modelo do pneu.

Bridgestone Potenza
VEJAM TAMBÉM: Pneus novos à frente ou atrás? Chega de dúvidas

Exceções

A introdução do novo rótulo dos pneus acontece a partir desde dia 1 de maio de 2021 para os pneus novos. Os pneus que se encontravam à venda com o rótulo antigo não estão obrigados a mudar para o novo rótulo pelo que, durante algum tempo, não será incomum ver os dois rótulos de pneus lado a lado.

Há ainda pneus que não são abrangidos pelas novas regras de rotulagem:

  • Pneus para uso profissional fora de estrada;
  • Pneus concebidos exclusivamente para serem instalados em veículos matriculados pela primeira vez a 1 de outubro de 1990;
  • Pneus para uso temporário;
  • Pneus com categoria de velocidade inferior a 80 km/h;
  • Pneus com dimensão da jante inferior a 254 mm (10″) ou 635 mm (25″);
  • Pneus com aplicação de pregos;
  • Pneus para veículos de competição;
  • Pneus usados, exceto se vierem de países fora da UE;
  • Pneus recauchutados (temporariamente).

Mais artigos em Autopédia