Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Vídeo

James May vai vender o seu Toyota Mirai. Porquê?

Apesar de já ter elogiado por diversas vezes o seu Toyota Mirai, James May vai vendê-lo e explicou as razões por trás dessa decisão num vídeo.

Não é segredo nenhum que James May é um fã declarado do seu Toyota Mirai, tendo já por diversas vezes elogiado o modelo movido a pilha de combustível a hidrogénio.

Tendo isso em conta, foi com alguma surpresa que descobrimos que o famoso “Captain Slow” decidiu vender o seu Mirai. Mas, afinal de contas porque razão o vai fazer?

Num vídeo da Drivetribe o britânico deu como principal razão da venda do Mirai algo que também afeta os modelos a hidrogénio por cá: a limitada rede de abastecimento.

VÊ TAMBÉM: Sabes que carro Jeremy Clarkson se arrependeu de vender?

James May relembra que quando comprou o carro havia apenas oito postos de carregamento no Reino Unido. Desde então esse número subiu para 11, mas continua a ser um valor demasiado baixo para permitir usar o Mirai como carro do dia a dia, principalmente porque May afirma que “já está demasiado velho para essas coisas”.

Que carro o vai substituir?

Apesar de não ter revelado que carro vai tomar o lugar do Toyota Mirai, James May revelou que quer algo mais “excitante”. A razão pela qual May afirmou isto pode muito bem estar associada aos números apresentados pelo carro nipónico.

Focada na eficiência, a primeira geração do Toyota Mirai contava com 154 cv e 335 Nm para mover substanciais 1850 kg, razão pela qual as prestações estavam longe de entusiasmar: 178 km/h de velocidade máxima e os 0 aos 100 km em 9,6s.

VÊ TAMBÉM: Todos os segredos da nova «caixa de hidrogénio» da Toyota

Já os dois tanques de hidrogénio com uma capacidade total conjunta de 122 litros permitiam uma autonomia de 500 km, com o tempo de carregamento a ficar entre três e cinco minutos.

Ainda assim, o britânico teceu vários elogios à experiência de condução do Mirai, descrevendo-a como “agradável” e tendo-a até comparado à de um… Bentley Continental GT(!?).

Sabe responder a esta?
Qual é a capacidade da bagageira do Toyota Corolla?

Mais artigos em Notícias