Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Antevisão

SEAT vai lançar carro elétrico em 2025 por menos de 25 000 euros

A marca espanhola vai lançar um automóvel elétrico em 2025 e anunciou um ambicioso plano para liderar a eletrificação da indústria automóvel em Espanha.

A SEAT anunciou esta segunda-feira, durante a conferência anual da empresa (onde também ficámos a saber, por exemplo, que o CUPRA Tavascan será produzido), que vai lançar no mercado um automóvel elétrico urbano em 2025.

A empresa espanhola, com sede em Martorell, revelou que este será um carro essencial para tornar a mobilidade sustentável acessível à população de forma massiva e que terá um preço final de cerca de 20-25 000 euros.

A SEAT fez saber que unidade de produção onde este veículo será fabricado será anunciada nos próximos meses, mas apresentou um ambicioso plano, denominado Future Fast Forward, cujo objetivo é liderar a eletrificação da indústria automóvel em Espanha e começar a produzir automóveis elétricos no país a partir de 2025.

A NÃO PERDER: Leon Sportstourer e-HYBRID. Testámos o primeiro híbrido plug-in da SEAT
Wayne Griffiths
Wayne Griffiths, presidente da SEAT S.A.

Queremos fabricar carros elétricos em Espanha a partir de 2025. A nossa ambição é produzir mais de 500 000 carros elétricos urbanos por ano em Martorell para o Grupo Volkswagen, mas precisamos de um compromisso claro por parte da Comissão Europeia.

Wayne Griffiths, Presidente da SEAT S.A.

Além de produzir automóveis elétricos, a SEAT pretende liderar o desenvolvimento de todo o projeto do Grupo Volkswagen. “O nosso plano é transformar o nosso Centro Técnico, o único do género no sul da Europa e um ativo essencial de I+D para a região”, disse Griffiths. “Acreditamos que é parte da nossa responsabilidade eletrificar Espanha. Há 70 anos colocámos este país sobre rodas. Agora, o nosso objetivo é colocar Espanha sobre rodas elétricas”, acrescentou.

“Elaborámos o plano, temos os parceiros certos e, de um modo geral, estamos prontos para investir. Este projeto pretende ser o motor da transformação da indústria automóvel espanhola. É necessário o apoio do Governo espanhol e da Comissão Europeia neste plano transversal e nacional, para que o Grupo Volkswagen possa tomar a decisão final sobre a sua execução”, sublinhou Wayne Griffiths.

A NÃO PERDER: SEAT Leon TGI. Até 440 km de autonomia a gás natural

Wayne Griffiths afirmou ainda que o objetivo para este ano — que verá os renovados Ibiza e Arona chegarem ao mercado —  “é aumentar as vendas e recuperar os volumes para níveis pré-COVID”, depois da pandemia de COVID-19 ter interrompido a tendência positiva que a SEAT S.A. vinha a apresentar nos últimos anos.

“Em 2021 devemos voltar aos lucros. Este é o nosso objetivo financeiro. Estamos a trabalhar arduamente para obter números positivos o mais rápido possível. As principais alavancas para alcançar a rentabilidade em 2021 vão ser o aumento do mix de PHEV e o lançamento do modelo 100% elétrico, o CUPRA Born, que nos vai permitir atingir as nossas metas de CO2. Além disso, vamos concentrar-nos na redução de despesas gerais e administração de receitas, com foco nos mercados e canais mais importantes”, disse Griffiths.

Sabe responder a esta?
Qual foi o primeiro modelo da SEAT?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

SEAT 1400. Este foi o primeiro automóvel da marca espanhola

Mais artigos em Notícias