Apresentação

7 motores para o CUPRA Formentor. O primeiro a chegar é também o mais potente

Com o lançamento eminente, são dados a conhecer mais detalhes sobre o CUPRA Formentor. Fica a conhecer quais os motores que o equiparão.

Foi-nos dado a conhecer como um híbrido plug-in, e ainda como protótipo, mas o CUPRA Formentor, o primeiro modelo exclusivo da jovem marca espanhola, contará com muitos mais motores. E nem todos serão hibridizados.

O crossover de linhas desportivas terá uma completa gama de motorizações, sete no total, onde nem sequer falta uma proposta Diesel.

Para abrir as hostilidades, será lançado no mercado, ainda durante este mês de outubro, com o seu mais potente motor. Será, diz a marca, a “expressão máxima do compromisso de performance CUPRA”.

VÊ TAMBÉM: CUPRA assinala o arranque da produção do Formentor com evento digital
CUPRA Formentor VZ 2021

310 cv, 100% hidrocarbonetos

A denominação oficial do mais potente Formentor também define as suas principais características: CUPRA Formentor VZ 2.0 TSI 310 cv DSG 4Drive.

Começando pelo 2.0 TSI, o ubíquo EA888 de quatro cilindros em linha que encontramos em tantos modelos do Grupo Volkswagen, a potência, como vemos, é de 310 cv, com o binário máximo a fixar-se nos 400 Nm.

DSG refere-se à caixa de velocidades, de dupla embraiagem, aqui com sete velocidades. E 4Drive refere-se ao sistema que garante quatro rodas motrizes. E como se constata, nem um eletrão à vista — o Formentor mais potente de todos dependerá exclusivamente de um motor de combustão interna.

Apesar dos generosos 1644 kg de massa anunciados, as prestações estão num muito bom plano: 4,9s para atingir os 100 km/h e uma velocidade máxima eletronicamente limitada de 250 km/h.

VÊ TAMBÉM: Volkswagen T-Roc R com 300 cv. O Hot SUV com sotaque português

VZ… O que é isso?

Falta só descodificar o significado das letras VZ, a primeira vez que surgem no vocabulário da CUPRA. Bem, a marca espanhola decidiu dividir a gama Formentor em duas categorias, com a fronteira que as separa a ser determinado num nível de potência, neste caso 245 cv.

Assim, abaixo desse valor, o novo crossover será apenas conhecido como CUPRA Formentor. Quando com 245 cv ou mais, assume a denominação de CUPRA Formentor VZ.

Porquê VZ? É uma abreviação do termo “veloz” em castelhano, que a marca diz vestir “na perfeição as versões mais potentes do CUPRA Formentor.” 

VÊ TAMBÉM: Enyaq iV. Já sabemos quanto custa o primeiro SUV elétrico da Skoda

Não um, mas dois híbridos plug-in

O Formentor será um dos passos na ofensiva da eletrificação da CUPRA, que será brevemente acompanhado pelos CUPRA Leon híbridos plug-in e pelo 100% elétrico CUPRA el-Born.

CUPRA Formentor VZ 2021

Serão duas as motorizações eletrificadas a fazer parte da gama do crossover espanhol. Mantendo a tónica nos VZ, o CUPRA Formentor VZ e-Hybrid garante uma potência e binário máximos combinados de 245 cv e 400 Nm.

Números que resultam do casamento do 1.4 TSI de 150 cv e do motor elétrico de 115 cv. A máquina elétrica é alimentada por um pacote de baterias de iões de lítio de 13 kWh — a autonomia elétrica deverá rondar os 50 km (valor final oficial por anunciar).

CUPRA Formentor VZ 2021

Ao contrário da versão 100% combustão de 310 cv, a transmissão no VZ e-Hybrid faz-se apenas às rodas dianteiras através de uma caixa DSG de seis velocidades.

O outro híbrido na gama será o (simplesmente) CUPRA Formentor e-Hybrid, que vê a sua potência e binário diminuir para, respetivamente, 204 cv e 350 Nm.

VÍDEO: Já conduzimos o renovado SEAT Ateca e SEAT Tarraco FR

E os outros?

Já referimos três das sete motorizações, faltam quatro. Começamos com o terceiro membro da linha VZ, o CUPRA Formentor VZ 2.0 TSI 245 cv DSG, que prescinde da tração às quatro rodas, mas mantém a transmissão de dupla embraiagem.

CUPRA Formentor VZ 2021

Nas variantes menos potentes a gasolina do crossover temos o CUPRA Formentor 2.0 TSI 190 cv DSG 4Drive e o Formentor 1.5 TSI 150 cv, com este último a estar disponível não só com a DSG, mas também com caixa manual.

Por fim, mas não menos importante, há ainda espaço para uma motorização Diesel, o CUPRA Formentor 2.0 TDI 150 cv, disponível igualmente ou com a caixa DSG ou com a manual.

CUPRA Formentor VZ 2021
VÊ TAMBÉM: Fomos buscar a nova carrinha SEAT Leon Sportstourer à fábrica de Barcelona

Quando é que o CUPRA Formentor chega?

Como referimos, o Formentor VZ 2.0 TSI de 310 cv será o primeiro a chegar, ainda durante este mês de outubro. As restantes motorizações só serão lançadas em 2021, pelo que mais detalhes só em data mais próxima à chegada ao mercado.

De momento também não foram divulgados preços para o novo modelo.

Sabes responder a esta?
O SEAT Ronda foi lançado em que ano?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Este SEAT Ronda foi usado como prova em tribunal. Porquê?

Mais artigos em Notícias