Apresentação

Land Rover Discovery Sport e Range Rover Evoque. Novos motores, versões e infoentretenimento

A Land Rover usa o facelift para o novo ano para equipar os Land Rover Discovery Sport e Range Rover Evoque com novos motores, versões e infoentretenimento.

Os Land Rover Discovery Sport e o Range Rover Evoque foram “refrescados” — 21 MY (Model Year) —, ganharam novas motorizações e versões, sendo uma das muitas mudanças que estamos a assistir na Jaguar Land Rover.

A partir de 10 de setembro, Thierry Bolloré (vindo da Renault) assumirá a a liderança executiva, substituindo o alemão Ralf Speth. Uma mudança que ocorre em tempos difíceis. Mesmo antes da crise do COVID-19, as coisas não estavam tão bem como antes no construtor britânico, com vendas a descer e despedimentos a crescer.

Apesar do ponto de viragem causado pela pandemia, os negócios não param e a concorrência não dorme. Altura, portanto, de atualizar tanto o Land Rover Discovery Sport como o best seller compacto Range Rover Evoque.

TENS DE VER: Será que aguenta? Novo Land Rover Defender (2020) levado ao LIMITE
Range Rover Evoque 21MY

Novos motores

O destaque vai para as novas motorizações. Ainda recentemente vimos ambos os modelos receberem as versões híbridas plug-in P300e, com uma potência máxima combinada de 309 cv e uma autonomia puramente elétrica de até 62 km no Discovery Sport e 66 km no Evoque.

Agora vêem os seus argumentos mecânicos renovados com atualizadas unidades Ingenium Diesel com 2.0 l de capacidade e com sistemas mild-hybrid 48 V, que tomam o lugar das anteriores D150 e D180. Temos assim, os novos e mais potentes D165 e D200 com, respetivamente, 163 cv e 204 cv.

Land Rover Discovery Sport 21My

Os consumos variam entre os 5,0 l/100 km do D165 com tração dianteira e caixa manual (seis velocidades) no Range Rover Evoque, e os 7,3 l/100 km do D200 com tração às quatro rodas e caixa automática (nove velocidades) do Land Rover Discovery Sport.

Do lado da gasolina, o Range Rover Evoque ganha uma nova versão de entrada, a P160. A denominação traduz-se num motor a gasolina de três cilindros turbo, com 1,5 l — o mesmo usado nas versões híbridas plug-in —, com 160 cv de potência e 260 Nm de binário. O P160 é também um mild-hybrid 48 V.

Este novo tri-cilíndrico garante menos 37 kg (e todos eles sobre o eixo dianteiro) relativamente ao quatro cilindros do qual deriva. Está associado, exclusivamente, não só ao Evoque, como a uma caixa automática de oito velocidades e a duas rodas motrizes. Os 160 cv garantem cerca de 10,3s nos 0-100 km/h e 199 km/h de velocidade máxima, com consumos de 8,0-8,3 l/100 km e emissões de CO2 de 180-188 g/km.

As restantes motorizações a gasolina mantém-se: P200, P250 e P300. Todas derivadas do tetra-cilíndrico de 2,0 l e todas também equipadas com o sistema mild-hybrid de 48 V.

VÊ TAMBÉM: A Jaguar renovou o I-PACE. Conhece todas as novidades

Novas versões de topo

Fazendo a ligação entre o tópico das novas motorizações e o das novas versões de topo, destaque para o novo Land Rover Discovery Sport Black Special Edition, que não só assume o papel de topo de gama, como recebe uma motorização exclusiva a gasolina com 290 cv (2.0 Turbo, tração às quatro rodas e caixa automática de nove velocidades) que já permite ao SUV britânico acelerar dos 0 aos 100 km/h em 7,4s.

Além da motorização exclusiva, o Black Special Edition, baseada nas especificações R-Dynamic S, destaca-se pela aparência exterior com detalhes a preto, cortesia do Black Pack — tejadilho em tom contrastante (preto ou cinzento, dependendo da cor da carroçaria), jantes em liga leve de 20″ em Gloss Black (preto brilhante) ou Diamond Turned, e pinças de travão a vermelho.

Há ainda cinco cores disponíveis para o Black Special Edition: Namib Orange, Carpathian Grey, Firenze Red, Yulong White e a nova Hakuba Silver.

Land Rover Discovery Sport 21My

No interior temos acabamentos em titânio e volante em couro, podendo escolher entre dois revestimentos para os bancos: Luxtec Suedecloth ou couro Grained. Por fim, o Black Special Edition vem ainda com um tejadilho panorâmico fixo, faróis LED Premium, acesso sem chave e uma tampa da bagageira elétrica.

O Range Rover Evoque Autobiography passa a ser o novo topo de gama do SUV compacto, e como acontece com as versões Autobiography dos restantes Range Rover, esperem mais luxo e elegância.

O Autobiography parte do R-Dynamic HSE, mas distingue-se pelos elementos do Black Pack (para-choques, zona inferior e laterais), assim como pelos pormenores polidos em cor de cobre, tom visível também nos anagramas Range Rover. As jantes são de 21″ em Gloss Light Silver com contraste polido e espelhado e vem com faróis LED Matrix.

O seu interior vem em Grey Ash, com bancos em couro Windsor acolchoado e teto panorâmico fixo. Destaque ainda para o volante de ajuste elétrico e aquecido, assim como bancos dianteiros aquecidos e refrigerados com função de memória e bancos traseiros aquecidos.

Ao contrário do Discovery Black Special Edition, o Evoque Autobiography está disponível com múltiplas motorizações: D200, P200, P250, P300 e P300e.

Range Rover Evoque 21MY

Ainda no Evoque, ganha uma nova edição especial chamada Nolita Edition (Lafayette no Reino Unido), inspirada na Lafayette Street, uma rua localizada na zona norte de Little Italy (NoLiTa) em Nova Iorque, EUA. Partindo do Evoque S, destaca-se pelo seu tejadilho exclusivo em contrastante Nolita Grey, estando disponível em três cores: Yulong White, Seoul Pearl Silver e Carpathian Grey.

Vem equipado com jantes de 20″ e cinco raios duplos em Gloss Dark Grey com acabamento contrastante polido e espelhado, além de um tejadilho panorâmico fixo, tapetes Premium em alcatifa, proteções das embaladeiras iluminadas e faróis LED Premium com piscas animados. Tal como o Autobiography, o Evoque Nolita Edition está disponível com múltiplas motorizações.

TENS DE VER: Qual é o melhor SUV 2020? Captur vs 2008 vs Kamiq vs Puma vs Juke

Pivi e Pivi Pro

Depois de ter sido estreado pelo Land Rover Defender, chegou a vez do Land Rover Discovery Sport e Range Rover Evoque receberem o novo sistema de infoentretenimento Pivi, com promessas de maior rapidez e responsividade, assim como mais conetividade, uma interação simplificada e também permite atualizações remotas como ainda a possibilidade de integrar dois smartphones em simultâneo.

Range Rover Evoque 21MY

O Pivi Pro adiciona uma fonte de energia recarregável dedicada e independente, que permite um acesso mais imediato ao sistema de infoentretenimento, poucos segundos após o condutor abrir a porta do veículo.

Além do mais o Pivi Pro consegue integrar os nossos costumes e preferências, automatizando até a ativação de algumas das nossas preferências. Por exemplo, está a ligar constantemente o aquecimento no volante? O Pivi Pro “aprende” e numa próxima ocasião poderá ligar o aquecimento do volante por ti.

Quando combinado com o Online Pack, o sistema Pivi Pro dá ainda acesso a uma série de serviços sem ser necessário ligar um smartphone, onde se inclui a aplicação Spotify.

Range Rover Evoque 21MY
VÊ TAMBÉM: Novo Diesel de 6 cilindros para os Range Rover e Range Rover Sport. Todos os preços

Quanto custam

Os Land Rover Discovery Sport 21 MY e Range Rover Evoque 21 MY já estão disponíveis em Portugal. Convém lembrar que o Land Rover Discovery Sport D165 (tração dianteira e caixa manual) e o P300e PHEV são Classe 1 nas portagens; assim como o Range Rover Evoque D165 (tração dianteira), P160 (tração dianteira) e P300e PHEV. Todas as restantes motorizações dos dois modelos são Classe 2.

Os preços começam nos 48 188 euros (D165) para o Land Rover Discovery Sport e nos 43 683 euros (P160) para o Range Rover Evoque.

 

Mais artigos em Notícias