Rumores

Sony Vision-S continua a ser desenvolvido. Chegará à produção?

O Vision-S foi lançado como protótipo para dar a conhecer os avanços da Sony na área da mobilidade, sem intenções de o produzir. Mas será que é mesmo assim?

O Sony Vision-S Concept foi, sem sombra de dúvida, a maior surpresa no CES ocorrido no início deste ano. Foi a primeira vez que vimos a gigante Sony apresentar um automóvel.

O Vision-S é, essencialmente, um laboratório rolante, que serve de demonstrador das tecnologias desenvolvidas pela Sony referentes à área da mobilidade.

Não foram revelados muitos pormenores sobre a berlina 100% elétrica japonesa, mas as suas dimensões são aproximadas às de um Tesla Model S, e os dois motores elétricos que a equipam debitam cada um 272 cv. Não garante prestações balísticas como um Model S, mas os 4,8s anunciados nos 0-100 km/h não envergonham ninguém.

VÊ TAMBÉM: Como seria o carro elétrico da Dyson? Fica a conhecê-lo

O nome Vision-S Concept diz-nos que é apenas um protótipo, mas dado o seu estado de amadurecimento foram muitos os que se perguntaram se o Vision-S não estaria a antecipar um futuro veículo de produção. O desenvolvimento foi efetuado pelas muito competentes da Magna Steyr, em Graz, na Áustria, o que deu força a essa possibilidade.

Izumi Kawanishi, o chefe de desenvolvimento do projeto, apressou-se logo a declarar que a Sony não pretendia tornar-se um construtor automóvel e por aqui ficou este episódio, ou assim pensávamos.

Agora, mais de meio ano depois, a Sony divulga um novo vídeo (em destaque) onde vemos o regresso do Vision-S Concept ao Japão. De acordo com a marca japonesa, o objetivo do regresso é o de continuar a desenvolver “a tecnologia dos sensores e áudio”.

Não se fica por aqui. A parte mais interessante que acompanha este pequeno vídeo é, no entanto, isto:

“O protótipo está também em desenvolvimento para ser testado em estradas públicas durante este ano fiscal.”

Sony Vision-S Concept
Apesar de ser um protótipo, o Vision-S Concept parece já bem próximo da produção.

Possibilidades, possibilidades, possibilidades…

Para um protótipo demonstrador de tecnologias, sem dúvida que a Sony não parece estar preocupada em dar aquele passo extra para as validar.

Não seria suficiente testar a armada de sensores do Vision-S para condução autónoma (33 no total) em locais de testes já preparados para o efeito? Será mesmo necessário levá-lo para a via pública?

Testar o protótipo na estrada pode ser mesmo só isso: testar todas as tecnologias incorporadas em condições reais. Mas tal como aconteceu durante o CES, em que foi revelado um veículo 100% funcional, este anúncio faz com que voltemos a perguntar: estará a Sony a preparar-se para entrar no mundo automóvel, com um veículo de marca própria?

Mais artigos em Notícias