Apresentação

Agora os GLA, CLA Coupé e CLA Shooting Brake também são híbridos plug-in

A oferta de modelos híbridos plug-in da Mercedes-Benz voltou a crescer. Agora foi a vez dos Mercedes-Benz GLA, CLA Coupé e CLA Shooting Brake se eletrificarem.

Depois dos Classe A e Classe B, foi a vez dos Mercedes-Benz GLA, CLA Coupé e CLA Shooting Brake se juntarem à família de modelos híbridos plug-in da Mercedes-Benz.

Designados, respetivamente, GLA 250 e, CLA 250 e Coupé, e CLA 250 e Shooting Brake, os três novos modelos híbridos plug-in da Mercedes-Benz não trazem novidades em termos mecânicos.

Assim sendo, “casam” o conhecido 1.33 l de quatro cilindros, com 160 cv e 250 Nm a um motor elétrico com 75 kW (102 cv) e 300 Nm alimentado por uma bateria de iões de lítio com 15,6 kWh de capacidade.

ESPECIAL: Salão de Genebra 2020 CANCELADO mas… as novidades continuam aqui!

O resultado final é uma potência combinada de 218 cv (160 kW) e 450 Nm. Quanto ao carregamento da bateria, recarregá-la entre os 10 e os 80% numa wallbox de 7,4 kW demora 1h45min; já num carregador de 24 kW o mesmo carregamento demora apenas 25 minutos.

Os números dos três novos híbridos plug-in

Apesar de partilharem a mecânica, os três novos híbridos plug-in da Mercedes-Benz não apresentam números exatamente iguais no que diz respeito aos consumos, emissões, autonomia em modo 100% elétrico e, claro está, prestações.

Assim sendo, nesta tabela podes ficar a par de todos os números apresentados pelas variantes híbridas plug-in dos Mercedes-Benz GLA, CLA Coupé e CLA Shooting Brake:

Modelo Consumos* Autonomia elétrica* Emissões de CO2* Aceleração (0-100 km/h) Velocidade máxima
CLA 250 e Coupé 1,4 a 1,5 l/100 km 60 a 69 km 31 a 35 g/km 6,8s 240 km/h
CLA 250 e Shooting Brake 1,4 a 1,6 l/100 km 58 a 68 km 33 a 37 g/km 6,9s 235 km/h
GLA 250 e 1,6 a 1,8 l/100 km 53 a 61 km 38 a 42 g/km 7,1s 220 km/h

*valores WLTP convertidos para NEDC

Comum aos três modelos são os dois programas de condução “Electric” e “Battery Level” e a possibilidade de escolher um de cinco níveis de recuperação de energia (DAUTO, D+, D, D e D– –) através de patilhas no volante.

VÊ TAMBÉM: O melhor de dois mundos? Testámos a Mercedes-Benz Classe C Station Diesel híbrida plug-in

Para já ainda não se sabe quando é que as variantes híbridas plug-in dos GLA, CLA Coupé e CLA Shooting Brake deverão chegar ao mercado português nem quanto é que vão custar por cá.

Sabes responder a esta?
Que potência debitava o 5.0 V8 atmosférico que equipava o Mercedes-Benz E 50 AMG (W210)?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lembras-te deste? Mercedes-Benz E 50 AMG (W210)

Mais artigos em Notícias