Apresentação

No interior digital do Porsche Taycan ainda há espaço para a tradição

A revelação final só acontecerá no dia 4 de setembro, mas a Porsche não quis esperar mais e revelou as primeiras imagens do interior do Taycan.

Será no início do próximo mês que conheceremos o Porsche Taycan, o primeiro elétrico do construtor alemão. No entanto, não foi impedimento para a Porsche antecipar-se à grande revelação final, dando já a conhecer o interior do Taycan.

E constatamos, rapidamente, que o interior do Taycan foi invadido… por ecrãs, eliminando praticamente todos os botões físicos. Já os contaram? Nas imagens vemos quatro ecrãs, mas existe ainda um quinto ecrã (5,9″), de controlo háptico, para que os passageiros traseiros possam controlar a sua área climatizada — são quatro as zonas de climatização.

É o primeiro interior totalmente digital por parte da Porsche, mas ainda assim, não deixa de ser familiar — certas tradições não foram esquecidas. Desde os instrumentos circulares e o formato geral do painel de instrumentos em si, que remete automaticamente para o dos outros Porsche, com as suas origens a recuarem ao primeiro 911; até à localização do botão de arranque, que mantém a tradição de se posicionar à esquerda do volante.

A NÃO PERDER: Porsche Taycan chega este ano. Tudo o que sabemos
Porsche Taycan interior

O ecrã é curvo, de 16,8″, e mantém os instrumentos circulares, tipicamente Porsche — o conta-rotações central desaparece, sendo substituído por um medidor de potência. Ao prescindir da pala sobre os instrumentos, a Porsche quis garantir “uma aparência ligeira e moderna ao estilo dos smartphones e tablets de alta qualidade”. Também possui propriedades antirreflexo, ao integrar um filtro polarizador de vapor-depositado.

Ao contrário de outros painéis de instrumentos totalmente digitais, o do Porsche Taycan, tem a particularidade de ter pequenos controlos táteis nas extremidades laterais do ecrã que permitem controlar funcionalidades referentes à iluminação e ao chassis.

Porsche Taycan interior

Existem quatro modos de visualização:

  • Clássico: apresenta os instrumentos circulares, com medidor de potência ao centro;
  • Mapa: substitui o medidor de potência ao centro pelo mapa;
  • Mapa Total: o mapa de navegação passa a abranger todo o painel;
  • Puro: reduz informações visíveis apenas ao essencial para a condução — velocidade, sinais de tráfego e navegação (recorre apenas a setas)
A NÃO PERDER: Porsche Taycan. Dos 0 aos 200 km/h, 26 vezes seguidas

Ecrã para… passageiro

O sistema de info-entretenimento é composto por um ecrã tátil central de 10,9″, mas, pela primeira vez, pode ser complementado com um segundo ecrã de igual dimensão, colocado em frente do passageiro dianteiro, capaz de controlar as mesmas funções — música, navegação e conectividade. Claro que as funções relativamente aos sistemas de condução estão inacessíveis ao passageiro.

Porsche Taycan interior

O controlo de todo o sistema poderá ser feito, para além do tacto, via voz, com o Taycan a responder ao comando inicial… “Hey, Porsche”.

O último ecrã que falta por descrever é o que se situa na elevada consola central, também tátil e de 8,4″, que além de permitir controlar o sistema de climatização, integra também um sistema de reconhecimento de escrita, um auxiliar para quando queremos rapidamente inserir um novo destino no sistema de navegação.

Personalização a perder de vista

O Porsche Taycan, apesar de ser o primeiro elétrico de produção do construtor é, em primeiro lugar, um Porsche. E não seria de esperar outra coisa que não um mar de possibilidades para personalizar o interior do Taycan.

Podemos optar por um volante mais desportivo (GT) e existem múltiplos revestimentos para o interior. Desde o clássico interior em pele, de vários tipos, incluindo uma Club “OLEA” escurecida de forma sustentável através de folhas de oliveira; a interior sem pele, recorrendo a um material denominado “Race-Tex”, que usa microfibras, parcialmente constituídas por fibras de poliéster recicladas.

Também a escolha é ampla no que toca a cores: Bege Black-Lime, Amora Preta, Bege Atacama e Castanho Meranti; e ainda existem esquemas especiais de cores de contraste: preto mate, prata escurecida ou neodímio (tom champanhe).

Porsche Taycan interior
A Porsche e a Apple Music juntaram-se para criar a primeira experiência totalmente integrada de um serviço de streaming de música

Podemos ainda escolher entre acabamentos em madeira, carbono mate, alumínio ou tecido para as portas e consola central.

O Porsche Taycan será publicamente revelado no próximo Salão de Frankfurt, mas iremos conhecê-lo antes, no dia 4 de setembro.

Sabes responder a esta?
Qual a capacidade do motor do Porsche 718 Cayman GT4?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

O motor que faltava. 718 Cayman GT4 e 718 Spyder com seis cilindros boxer NA

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos