Efeméride

Foi há 30 anos que a Opel equipou todos os seus modelos com catalisador

Foi há trinta anos que a Opel passou a oferecer catalisador de série em toda a sua gama. Hoje, todos os modelos da marca cumprem a norma Euro 6d-TEMP.

Se hoje em dia o catalisador é visto como uma peça “normal” em qualquer carro, tempos houve em que este era visto como um “luxo” destinado apenas aos modelos mais caros e adotado por marcas com elevadas preocupações ambientais. Entre estas, destacar-se-ia a Opel, que a partir de 1989 viria a lançar as bases para democratização do catalisador.

Essa “democratização” teve início a 21 de abril de 1989, quando a Opel anunciou a decisão de oferecer de série em toda a sua gama aquele que era visto à época como o melhor mecanismo de redução de emissões poluentes: o catalisador de três vias.

A partir daquela data, todos os modelos Opel passaram a ter, pelo menos, uma versão equipada com catalisador de série, versões essas que facilmente eram identificadas pelo famoso logótipo “Kat” que surgia na traseira dos modelos da marca alemã.

VÊ TAMBÉM: E Prototype. Em vídeo o primeiro Honda 100% elétrico a baterias
Opel Corsa A
Em 1985 o Opel Corsa 1.3i tornou-se no primeiro utilitário na Europa a ter uma versão com catalisador.

Uma gama completa

A grande novidade da medida anunciada pela Opel não era a adoção do catalisador de três vias, mas sim a chegada deste a toda a gama. Como o então diretor da Opel, Louis R. Hughes confirmava: “A Opel é o primeiro fabricante a oferecer a melhor tecnologia a favor do ambiente como parte do equipamento de série de toda a gama, desde o modelo mais pequeno até ao topo de gama”.

Assim, a partir de 1989, passariam a ser cinco os Opel com versões catalisadas: Corsa, Kadett, Omega e Senator, concluindo assim uma estratégia que a marca havia iniciado cinco anos antes com o objetivo de melhorar a proteção ambiental.

VÊ TAMBÉM: Opel antecipa-se e quer cumprir a norma Euro 6d-TEMP ainda este ano
Opel Grandland X
O Opel Grandland X vai ser o primeiro modelo da marca alemã a receber uma versão híbrida plug-in.

Hoje, 30 anos depois da chegada de versões catalisadas a toda a gama Opel, a marca alemã prepara-se para lançar a versão híbrida plug-in do Grandland X e o primeiro Corsa elétrico, duas medidas que se enquadram no plano da marca de ter em 2024 uma versão eletrificada de cada um dos seus modelos.

Sabes responder a esta?
Em que ano foi lançado o Opel Calibra?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Lembras-te deste? Opel Calibra, esculpido pelo vento

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos