Mercado

Mercedes-Benz alcança recorde de vendas em Portugal em 2018

Por estes dias a Mercedes-Benz tem razões para comemorar. Em 2018 não só foi a terceira marca mais vendida em Portugal como alcançou um recorde de vendas.

Foram 16 464 os automóveis que a Mercedes-Benz vendeu em 2018 em Portugal. Um número que não só representa um aumento de 1,2% das vendas face a 2017 como trouxe um recorde absoluto no mercado nacional para a marca alemã e ainda lhe garantiu um histórico terceiro lugar (não contando com os comerciais) na tabela de vendas nacional.

Entre os “obreiros” deste sucesso destaca-se, como seria de esperar, o Mercedes-Benz Classe A, que apesar de apenas ter chegado ao mercado em maio do ano passado conseguiu alcançar um aumento de 21% das vendas face a 2017, vendendo 5682 unidades. Já o Classe C (que foi alvo de um facelift em 2018) alcançou as 2328 unidades vendidas.

Já a família Classe E (que para além do Mercedes-Benz Classe E inclui ainda o CLS e o GLE) vendeu 2079 unidades, enquanto no segmento executivo o destaque vai para o Classe S, do qual foram comercializadas 159 unidades. Também a Mercedes-AMG viu as suas vendas subirem com um total de 205 modelos vendidos em 2018 a representar um crescimento de 36,7% face ao ano anterior.

VÊ TAMBÉM: Mercedes-Benz: não há peças para clássicos? Não faz mal, imprime-se.
Mercedes-Benz Classe C
Ao todo foram vendidas 2328 unidades do Mercedes-Benz Classe C em 2018.

A smart também teve um bom ano

Mas o sucesso ao nível das vendas em Portugal do Grupo Daimler não é só sinónimo de Mercedes-Benz. Também a smart viu as suas vendas crescerem 2,5% face a 2017, num ano que se estabeleceu com o segundo melhor de sempre da marca no nosso país com 3205 unidades vendidas (que correspondem a 1,4% de quota de mercado).

Destaque ainda para o facto de 11% das vendas da smart (347 unidades) corresponderem às versões elétricas dos modelos da smart. No total, o Grupo Daimler comercializou 21 900 modelos entre automóveis, comerciais ligeiros, comerciais pesados e de passageiros em Portugal durante 2018.

Também a nível europeu a Mercedes-Benz registou um bom ano de vendas, alcançando 7,2% de quota de mercado.

Subscreve o nosso canal de Youtube.

Sabes responder a esta?
Em que ano é que o Mercedes-Benz 190 foi substituído pelo Classe C?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Mercedes-Benz 190 (W201), antecessor do Classe C, celebra 35 anos

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos