Salão de Los Angeles 2018

Novo Mazda3 é o primeiro a ter o revolucionário motor SKYACTIV-X

A Mazda revelou a quarta geração do Mazda3 e com ele vem uma série de estreias, desde o evoluído estilo Kodo ao novo e revolucionário motor SKYACTIV-X.

O novo Mazda3, acabado de revelar no Salão de Los Angeles, ganha particular importância, devido, sobretudo, ao facto de ser o primeiro automóvel equipado com um motor a gasolina capaz de ignição por compressão (como num Diesel), com promessa de expressivas reduções no consumo de combustível, mas já lá iremos…

Antes, conheçamos um pouco melhor o Mazda3, que chega à quarta geração. Estará disponível em duas carroçarias — dois volumes e cinco portas (hatchback) e três volumes e quatro portas (sedan) —, e como podemos observar no dois volumes, é clara a ligação ao Kai, o concept que o anteveu.

É a primeira aplicação da mais recente evolução da linguagem Kodo, que procura incorporar a essência da estética japonesa, e que até agora só tínhamos visto em protótipos como o Kai ou o Vision Coupe. Esta caracteriza-se pela redução de linhas — nada de vincos ou arestas pronunciadas —, o inverso do que temos observado na indústria, recorrendo a subtis alterações na modelação das superfícies, alterando o comportamento da luz sobre a carroçaria.

RELACIONADO: Wankel. Mazda confirma regresso, mas não como estás a pensar…
Mazda Mazda3 2019

 

De forma algo inédita, também assistimos a diferenças mais pronunciadas entre as duas carroçarias. A carroçaria de três volumes não é apenas um dois volumes com uma traseira estendida, mas é possível observar até diferenças na forma como os flancos foram desenhados. Segundo a Mazda, apesar de partilharem o nome Mazda3, “o hatchback e o sedan têm personalidades distintas — o design do hatchback é dinâmico, o do sedan elegante”.

Mazda Mazda3 2019

Além da nova e mais madura interpretação da Kodo, o novo Mazda3 estreia também a nova SKYACTIV-Vehicle Architecture, uma designação que acaba por abranger uma série de componentes estruturais, da base em si — mais rígida e mais refinada (menos ruído e vibrações) —, aos novos bancos, que mantém a curvatura natural da coluna.

SKYACTIV-X, revolução nos motores de combustão

O novo Mazda3 vai estar disponível com motorizações a gasolina e Diesel, nomeadamente os SKYACTIV-G, com capacidades de 1.5 l e 2.0 l, e SKYACTIV-D, que inclui o novo 1.8 l, estreado pelo Mazda CX-3.

Mas a grande novidade é o novo e revolucionário SKYACTIV-X, um motor a gasolina com 2.0 l de capacidade, o primeiro de sempre (num carro de produção) a permitir ignição por compressão, como um Diesel, prometendo reduções de combustível de 20% a 30%, com consumos capazes de rivalizar com os próprio Diesel. Os benefícios em consumos e emissões são potenciados pela presença de um sistema semi-híbrido (mild-hybrid).

Ainda não temos as especificações sobre esta e as restantes motorizações, mas tendo em conta o que experienciámos em primeira mão há pouco mais de um ano (ver destaque), ao volante de um dos protótipos, o novo SKYACTIV-X deixou expetativas elevadas, dado a sua capacidade de resposta, disponibilidade de binário e desenvoltura em subir de rotação.

Mazda Mazda3 2019
Duas carroçarias disponíveis, mais distintas que nunca.

Como já acontece com a geração atual, estarão disponíveis duas transmissões, uma caixa manual de seis velocidades e uma automática, também com seis velocidades. Noutros mercados estará disponível o motor a gasolina 2.5 SKYACTIV-G, e tração integral — fica por confirmar se chegará ou não à Europa e mais concretamente, Portugal.

Valor estratégico
Desde 2003, ano em que foi lançado o primeiro Mazda3, já foram vendidas mais de seis milhões de unidades, sendo um modelo global estratégico para a marca, vital para o seu crescimento, tanto ao nível da marca como do negócio.

Interior

Entrando no novo Mazda3, o desenho do tablier reflete o exterior, reduzindo a complexidade visual, seguindo o princípio “menos é mais”, com forte aposta na horizontalidade e com todos os comandos a estarem orientados em direção ao condutor.

A consola central é encimada por um ecrã tátil de 8,8″ que estreia também o novo sistema de info-entretenimento, ainda possível de ser controlado via um comando rotativo colocado atrás do manípulo da caixa de velocidades.

Espera-se também um interior com menos intrusão de ruídos graças não só à nova estrutura, como também à presença de materiais com melhores capacidades insonorizantes que revestem o teto e o chão. A Mazda anuncia também melhor visibilidade graças a pilares A mais finos.

De momento, não existem muitas mais informações sobre o novo Mazda3, pelo que teremos de esperar um pouco mais para trazer todos os detalhes. A sua chegada ao mercado deverá ocorrer já nos primeiros meses de 2019.

Sabes responder a esta?
Qual destes motores equipa o novo Bentley Continental GT Convertible?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Luxo a céu aberto. Este é o novo Bentley Continental GT Convertible

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos