Salão de Los Angeles 2018

Kia Soul EV. Nova geração ganha autonomia e… muitos cavalos

O Kia Soul EV ganhou nova geração e já foi apresentado em Los Angeles. Com um novo motor e uma nova bateria o elétrico da Kia promete ir mais longe.

O Salão de Los Angeles foi o local escolhido para mostrar a terceira geração do Kia Soul. Se nos EUA o Soul terá vários motores de combustão, na Europa, deveremos receber apenas o Soul EV, ou seja, a sua versão elétrica.

Mantém a silhueta cúbica das duas gerações anteriores, mas a frente e traseira foram revistas de forma mais aprofundada. Destaque para as óticas dianteiras bipartidas, com as luzes diurnas no topo, e o prolongamento diagonal das óticas traseiras, conferindo-lhe uma forma semelhante à de um boomerang.

No Soul EV destaque ainda para a grelha dianteira parcialmente tapada, as novas jantes de 17″ aerodinâmicas e a passagem da entrada de carregamento para  pára-choques dianteiro.

Por dentro as alterações são mais notórias e o foco foi o aumento do equipamento de série e da tecnologia. Assim, a Kia passou a disponibilizar um ecrã tátil de 10,25″ de série capaz de suportar o Apple CarPlay e o Android Auto e comandos de voz. Já a seleção das mudanças (P, N, R, D) é feita através de um comando rotativo na consola central.

VÊ TAMBÉM: Wankel. Mazda confirma regresso, mas não como estás a pensar…

A maior novidade do Kia Soul EV está debaixo do capot

Além da revisão estética o elétrico da Kia passou a contar com mais tecnologia e com o motor e bateria do e-Niro, que é também partilhado com o Hyundai Kauai Electric — com este último também é partilhada a plataforma.

O que é que isto significa? O novo Kia Soul EV passou a contar com cerca de 204 cv (150 kW), e 395 Nm de binário, mais 95 cv e 110 Nm, respetivamente do que o anterior Soul EV.

Uma vez que a Kia ainda está a testar o carro para obter um valor oficial, ainda não há dados oficiais em relação à autonomia. No entanto, é de esperar que, com a bateria de 64 kWh de capacidade herdada do e-Niro, o Soul EV seja capaz de alcançar, pelo menos, os 484 km de autonomia da versão elétrica do Niro. A acrescentar à nova bateria, todos os Soul EV surgem equipados com a tecnologia CCS DC que permite carregamentos mais rápidos.

Estão também disponíveis quatro modos de condução que permitem ao condutor escolher entre potência e autonomia. Já o sistema de travagem regenerativa pode ser ajustado através de patilhas no volante, sendo que este é ainda capaz de ajustar a quantidade de energia regenerada de acordo com um veículo que detete a circular à sua frente.

Com chegada a alguns mercados prevista para o começo do próximo ano, a Kia ainda não divulgou datas de lançamento na Europa, preços ou a totalidade das características técnicas.

Sabes responder a esta?
O Citroën C5 Aircross partilha a plataforma com que modelo?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ao volante do novo Citroën C5 Aircross. Valeu a pena esperar?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos