Sem expressão comercial

Range Rover Evoque Coupé despede-se para não mais voltar

Não se pode dizer que seja uma surpresa… mas aconteceu agora: o Range Rover Evoque Coupé vai ser descontinuado, devido a um volume de vendas quase residual.

Depois da BMW já ter feito o mesmo com o Mini Paceman, motivado por resultados comerciais tão ou mais negativos, eis que agora é a Land Rover que coloca um ponto final no mais recente episódio da sua “estória” com os SUV Coupé, ao decidir cancelar da produção do Range Rover Evoque Coupé, avança a britânica Autocar.

Hoje em dia o modelo de maior sucesso comercial no percurso da marca britânica, o Evoque foi lançado, em 2010, precisamente no formato Coupé três portas. Embora tenha sido sempre o cinco portas, surgido mais tarde, a dominar as vendas.

De resto e segundo os números já divulgados pela marca britânica, de todos os Evoque vendidos até ao momento, apenas 5% foram com a carroçaria Coupé.

Fabricado com base na plataforma D8 do Grupo Jaguar Land Rover, o Evoque deverá ter nova geração já em 2019, após sete anos de comercialização do atual modelo.

Range Rover Evoque Coupé

Com o lançamento de uma nova geração, o construtor procura contrariar a tendência de queda nas vendas que o crossover tem vindo a registar, nos últimos anos. E que, só no último ano fiscal, se cifrou nos 3,8%.

Por outro lado e apesar da decisão de acabar com o Coupé, a Land Rover também terá já decidido manter, na segunda geração do modelo, o ainda mais controverso — mas também tão ou mais charmoso — Evoque Convertible. Inédito SUV Cabriolet que deverá dar a conhecer o seu sucessor um ano depois da apresentação do novo cinco portas, ou seja, em 2020.

Range Rover Evoque Cabriolet

Sabes responder a esta?
Quanto anos de comercialização tem a terceira geração do Suzuki Jimny?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Suzuki Jimny apanhado antes da apresentação de 5 de julho

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos