Estratégia

Grupo Volkswagen lança nove novidades eletrificadas ainda este ano. Três serão 100% elétricas

Apostada na mobilidade elétrica, o Grupo Volkswagen acaba de anunciar o lançamento de nove novos veículos eletrificados, três dos quais 100% elétricos, ainda este ano.

O anúncio destas decisões foi feito, já esta madrugada, na habitual Conferência Anual do Grupo Volkswagen, em Berlim, na qual o construtor aproveitou para dar a conhecer aos jornalistas presentes, mais alguns aspetos daqueles que são os seus planos, em termos de eletrificação.

Encarregue de dar as novidades, o CEO do Volkswagen Group, Mathias Müller, anunciou que “nove novos veículos, entre os quais três 100% elétricos, irão juntar-se ao atual portfólio composto de oito modelos elétricos e híbridos plug-in que as marcas do grupo já disponibilizam.

Não especificando, contudo, quais as marcas que ficarão encarregues de comercializar estas novas propostas — ainda que um dos modelos deva ser o Audi e-tron.

Audi e-tron Concept Genebra 2018
Audi e-tron Concept

Quanto aos três veículos elétricos, serão apenas a ponta de um icebergue que, conforme também fez questão de frisar Müller, levará a que o Grupo Volkswagen apresente “virtualmente” um novo modelo elétrico, “todos os meses”, a partir de 2019. Algo que o CEO fundamenta no desejo de “oferecer a mais vasta frota de veículos elétricos em todo o mundo, abrangendo todas as marcas e regiões, em apenas alguns anos”.

RELACIONADO: Volkswagen I.D. Vizzion. Rival do Tesla Model S a caminho?

Diesel é para continuar, garante o Grupo Volkswagen

No entanto e apesar de totalmente envolvido no desenvolvimento da mobilidade elétrica, o Grupo Volkswagen garante não pretender deixar cair o compromisso que já mantém há muitas décadas, com os motores a gasóleo. Defendendo mesmo que “os modernos motores Diesel são parte da solução, não parte do problema”.

Assim e passando das palavras ao atos, a Volkswagen prepara-se para investir perto de 20 mil milhões de euros em “veículos convencionais”, já em 2018. Montante que subirá para 90 mil milhões de euros, nos cinco anos seguintes.

SEDRIC e mobilidade autónoma vão avançar

Já sobre a mobilidade autónoma, Mathias Müller deixou a garantia de que a companhia prepara-se já para a mudança de paradigma, nomeadamente, com a decisão de passagem à produção dos concepts SEDRIC. Embora com o mesmo responsável a recusar-se a avançar o momento em que a versão de produção chegará ao mercado, garantindo apenas que o protótipo passará agora “por um processo de refinamento e aperfeiçoamento de forma a resultar num produto de série, a comercializar por uma das nossas marcas”.

Sem volante, pedais ou condutor, o Volkswagen SEDRIC é uma proposta de veículo partilhado, 100% elétrico e autónomo

No evento, os responsáveis do Grupo Volkswagen informaram ainda que o construtor entregou um total de 10,7 milhões de veículos em 2017, com o grupo a alcançar um novo recorde em termos de receitas de vendas, de 230,7 mil milhões de euros. Valor que, segundo o CFO Frank Witter, permitiu ao fabricante alcançar “o melhor resultado operacional de sempre”.

Sabes responder a esta?
Qual a potência combinada do Volkswagen Golf GTE?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Ao volante do Volkswagen Golf GTE. Poupado? Depende

Mais artigos em Notícias