Lamborghini descarta Aventador com tracção traseira

Ao contrário do Lamborghini Huracán, o Aventador não terá uma versão com tracção traseira.

De acordo com Maurizio Reggiani, director de pesquisa e desenvolvimento da marca italiana, o Lamborghini Huracán foi projetado desde início para ser lançado em duas variantes: uma de tração integral e outra de tração traseira.

A NÃO PERDER: os bastidores da construção do Lamborghini Aventador

Com esta notícia, meio mundo ficou à espera do lançamento de um Aventador com as mesmas características. Contudo, no que toca ao Lamborghini Aventador, a coisa muda de figura. O Lamborghini Aventador nunca foi pensado enquanto carro de tração traseira.

Segundo os responsáveis da Lamborghini, o motor V12 6.5 de 690cv do aventador é demasiado potente para recorrer apenas à tração traseira, “só é possível manobrá-lo numa configuração de tração integral”, afirmou Reggiani.

VEJAM TAMBÉM: A fundo, ao volante do novo Seat Ibiza Cupra 1.8 TSI

O primeiro SUV da marca italiana, o próximo Lamborghini Urus, irá contar igualmente com tracção integral. “Um SUV com tracção traseira seria apenas uma imitação de um 4×4, sem as capacidades todo-o-terreno que os nossos clientes vão desejar”, afirmou Stephan Winkelmann, o patrão da Lamborghini.

Fonte: Autocar

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos