Está à venda um dos primeiros Porsche 911

19/12/2016
1.955 views
Share Button

O próximo leilão da RM Sotheby’s é uma oportunidade de ouro para ter na garagem um pedaço da história automóvel.

Os aficionados da Porsche certamente já saberão a história de cor e saltado. Mas nunca é demais repetir…

Em 1963 a Porsche apresentou no Salão de Frankfurt o Porsche 901 – um substituto mais potente, confortável e moderno do Porsche 356. Por motivos legais, a Porsche viu-se impedida de vender o carro em França com o nome 901 – já nessa altura a Peugeot detinha os direitos relativos aos nomes com três números e um zero ao meio (101, 102, 205, 206,704, e por aí em diante).

Em vez de vender o carro em França com um nome diferente, a Porsche alterou o nome do desportivo para Porsche 911.

porsche-911-cabriolet-3

Um dos primeiros protótipos foi precisamente este Porsche 901 Cabriolet (nas imagens), que é um dos únicos 13 protótipos produzidos pela Karmann para a Porsche entre 1963 e 64. Com chassis #13360 e arquitetura cabrio, foi usado como cobaia para a produção do 911 Targa que se estreou em 1967 – o primeiro 911 cabriolet de produção só viria a ser lançado em 1982.

GLÓRIAS DO PASSADO: Porsche 968 o maior «quatro cilindros» do mundo

Embora já tenham passado mais de cinco décadas, a julgar pelas imagens o tempo não se fez sentir neste Porsche 901 Cabriolet. Quer os bancos quer os acabamentos em pele são originais, assim como as jantes em alumínio e a pintura exterior em tons de vermelho (que sofreu apenas ligeiros retoques). Na traseira, mora um motor 2.0 de seis cilindros opostos com 130 cv de potência.

O carro pertenceu durante muitos anos ao colecionador Manfred Freisinger, que o vendeu a um norte-americano em 2001. Treze anos mais tarde, o Porsche 901 Cabriolet foi novamente vendido, e agora está disponível num leilão organizado pela RM Sotheby’s. O leilão terá lugar em Paris no dia 8 de fevereiro. Valor estimado? Superior a 1 milhão de euros.

Segue a Razão Automóvel no Instagram e no Twitter