Arranque a Frio. Nesta estrada é proibido usar o cinto de segurança. Mas porquê?

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Arranque a Frio

Nesta estrada é proibido usar o cinto de segurança. Mas porquê?

Localizada na Estónia, nesta estrada não se pode usar o cinto de segurança, mas só durante os meses de inverno.

Apesar dos benefícios mais do que comprovados de usar o cinto de segurança, há uma estrada na Estónia na qual a utilização deste sistema de segurança está proibida.

Falamos da estrada de gelo que liga o continente à ilha de Hiiumaa e que atravessa as águas geladas do mar Báltico.

Por se tratar de uma estrada de gelo, esta apenas existe nos meses de inverno e até março, altura em que derrete e volta a ser necessário recorrer às balsas para levar automóveis até Hiiumaa.

A NÃO PERDER: Recordar. Patente do cinto de segurança de três pontos da Volvo foi aprovada em 1962

A razão pela qual é proibido usar o cinto de segurança naquela estrada é muito simples: caso o gelo colapse, os ocupantes dos automóveis têm de conseguir sair o mais depressa possível. Ora, o cinto de segurança não facilita essa tarefa.

Outra regra curiosa nesta estrada são os limites de velocidade. Podemos andar a menos de 25 km/h, a mais de 40 km/h e até aos 70 km/h, mas não entre os 25 km/h e os 40 km/h. Além disso, convém circular a uma velocidade constante.

Entre os 25 km/h e os 40 km/h geram-se vibrações que podem provocar fraturas no gelo. Além disto, nesta estrada com 26 quilómetros, não podem circular veículos com mais de 2,5 toneladas e é necessário manter uma distância de dois minutos entre os carros.


Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebe o seu café ou ganha coragem para começar o dia, fique a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabe responder a esta?
Que velocidade é que o Renault 21 Turbo Quadra alcançou no gelo?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Renault 21 Turbo. Em 1988 era o carro MAIS RÁPIDO DO MUNDO sobre o gelo

Mais artigos em Notícias