Rolls-Royce Phantom foi atualizado e nem falta uma grelha iluminada

Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Apresentação

Rolls-Royce Phantom foi atualizado e nem falta uma grelha iluminada

Além dos «tradicionais» retoques visuais, o Rolls-Royce Phantom Series II recebeu novas opções para se tornar (ainda) mais exclusivo.

Nem os carros de luxo como o Rolls-Royce Phantom «escapam» à passagem do tempo e a prova disso mesmo é a renovação a que o modelo britânico foi submetido, para se manter competitivo aos potenciais rivais da Bentley e da Mercedes-Maybach.

Entre as diferenças que podemos ver neste Phantom Series II, no exterior o maior destaque é o da grelha iluminada “Pantheon Grille”, uma solução já presente no Ghost, que conta ainda com uma nova faixa horizontal, alinhada com as luzes diurnas, que parece «prolongá-las» a toda a largura.

Também os faróis foram atualizados, ganhando motivos gráficos similares a uma constelação, inseridos a laser.

A NÃO PERDER: Eletrificação «obrigou» a Rolls-Royce a redesenhar o “Spirit of Ecstasy”

O Phantom passou a contar ainda com jantes de novo desenho, umas das quais nitidamente inspiradas nas usadas pelos Rolls-Royce dos anos 20 do século passado. Já no interior, a única novidade passa pela adoção de um volante com uma pega mais grossa.

Mais opcionais, mas o mesmo motor

Além dos retoques estéticos, o Rolls-Royce Phantom, como suprassumo do luxo que quer ser, passou a contar com novas opções de personalização para ir ao encontro dos gostos dos seus clientes e torná-lo ainda mais exclusivo.

Entre estas novas opções, destacam-se a grelha cromada escurecida e acabamentos em preto na moldura do para-brisas e dos vidros laterais. E no interior há um novo esquema cromático de seu nome Phantom Platino (prata-branco), que adiciona ainda um novo revestimento têxtil para os bancos traseiros derivado do bambu.

Por fim, a funcionalidade “Rolls-Royce Connected” permite enviar uma morada a partir do smartphone para o sistema de navegação através da aplicação Whispers da Rolls-Royce.

Por fim, quanto à mecânica, o Rolls-Royce Phantom não traz quaisquer novidades, mantendo-se fiel ao V12 biturbo com 6.75 V12, 571 cv e 900 Nm.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Chevrolet Volt?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Porque é que o Chevrolet Volt tinha duas buzinas?

Mais artigos em Notícias