BMW M2. Futura "Drift Machine" deixa ver mais detalhes

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Antevisão

BMW M2. Futura “Drift Machine” deixa ver mais detalhes

Com revelação marcada para este ano, o BMW M2 voltou a ser «apanhado» em testes, deixando-se ver um pouco mais do que antes.

Variante mais desportiva do «controverso» Série 2 Coupé, o novo BMW M2 continua o seu (longo) processo de desenvolvimento, tendo sido «apanhado» em novas fotos-espia.

O novo M2 surge agora com menos camuflagem e por isso podemos antecipar um pouco melhor o que a BMW M está a preparar.

E nada melhor que compará-lo com o Série 2 Coupé que já conhecemos, com a imagem abaixo a permitir uma comparação direta entre os dois modelos.

LEIAM TAMBÉM: iX1. Futuro e inédito BMW X1 elétrico deixa-se «apanhar» em fotos-espia
BMW M2 fotos-espia © Razão Automóvel

Como é possível ver, o futuro M2 contará com diferenças substanciais à frente em relação ao Série 2 Coupé. O duplo rim, ao contrário dos maiores M3 e M4, mantém a horizontalidade, reforçada visualmente até pelas aletas horizontais que o preenche (verticais no Série 2 Coupé).

É notória a maior largura de vias deste M2 face aos Série 2 Coupé «normais», o que nos leva ao novo para-choques. As entradas de ar que vemos neste são de formato retangular, ao contrário das triangulares no Série 2 Coupé que o segue. E o spoiler dianteiro também se apresenta com dimensões acrescidas.

Mas talvez o maior destaque sejam os faróis, que parecem ter contornos distintos, sobretudo na extremidade mais próxima da grelha. Será que a imagem abaixo, vista há mais de meio ano, antecipou com fidelidade a frente do futuro M2?

BMW M2

Por fim, a controversa traseira continua repleta de camuflagem, não sendo possível descortinar todas as diferenças para os outros Série 2 Coupé.

Contudo, o que conseguimos ver são quatro generosas saídas de escape, que deixam «adivinhar» o seu potencial de performance.

BMW M2 fotos-espia © Razão Automóvel

O que esperar do BMW M2?

Do pouco que sabemos sobre o futuro BMW M2, confirma-se que continuará fiel à tração traseira ao seis cilindros em linha, herdado dos maiores M3 e M4. O que se traduz num 3.0 l biturbo (S58), que nos dois desportivos debita entre 480 cv e 510 cv.

Como é óbvio, dado o seu posicionamento, é de esperar que a potência do futuro M2 fique algumas dezenas de cavalos abaixo dos 480 cv dos seus «irmãos», não sendo diferente do que já acontecia até agora. Quanto à transmissão, essa deverá estar a cargo tanto de uma caixa manual como uma automática.

Com a sua revelação marcada para este ano, o novo BMW M2 será um dos muitos lançamentos da BMW M em 2022, ano no qual a divisão responsável por criar os BMW mais desejados de todos comemora os seus 50 anos de existência.

Enquanto não chega o M2, fiquem com o teste em vídeo ao BMW M240i xDrive, o mais potente e desportivo dos Série 2 Coupé atualmente à venda.

 

Mais artigos em Notícias