Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Produção

Mazda CX-3. Produção para a Europa termina no final do ano

O mais pequeno SUV da Mazda, o CX-3, despede-se do mercado europeu no final deste ano, mas continuará a ser vendido noutros mercados.

Vimos o Mazda CX-3 pela primeira vez no final de 2014, tendo chegado ao mercado em 2015 e desde o início foi apreciado pelo seu design e aptidões dinâmicas.

Ficámos agora a saber que a produção com destino à Europa do mais pequeno SUV da Mazda terminará no final deste ano. Há praticamente meio ano, tinha sido anunciada a saída do CX-3 do mercado norte-americano.

No entanto, o fim da comercialização do CX-3 na Europa não significa o fim da carreira do modelo, que vai continuar a ser vendido noutros mercados, como o japonês ou o australiano.

VEJAM TAMBÉM: Mazda MX-5. Futuro ainda a gasolina, com Skyactiv-X e tecnologia mild-hybrid
Mazda CX-3 SKYACTIV-D

Ainda recentemente foi revelada uma ligeira atualização do modelo para 2022 que trouxe com ela uma nova edição especial para mercado japonês com o curioso nome de “Super Edgy”.

Com a saída do CX-3 da Europa em 2022, caberá ao maior CX-30 ser o degrau de acesso aos SUV/Crossover da marca.

Muitos SUV a caminho, mas todos de grandes dimensões

Recentemente a Mazda anunciou um importante reforço na sua oferta de SUV na Europa com os inéditos CX-60 e CX-80.

Posicionados acima do atual CX-5, assentarão sobre a nova plataforma de tração traseira (ou integral) e surgirão não só com uma versão híbrida plug-in com um motor de quatro cilindros, como estrearão um inédito seis cilindros em linha (a gasolina e gasóleo).

Mazda CX-3

Na América do Norte, a Mazda irá adicionar três novos SUV: CX-50 (uma derivação do CX-30), CX-70 e CX-90. Estes dois últimos também assentarão sobre a nova plataforma de tração traseira da Mazda.

O que fica a faltar na Europa é um sucessor direto para o mais pequeno CX-3 que está posicionado num dos segmentos mais efervescentes do momento e por agora, não parece haver planos para que haja um no horizonte.

VEJAM TAMBÉM: Acham que é um Toyota Yaris? Provavelmente estão enganados

Fonte: Auto Katalog

 

Mais artigos em Notícias