Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Leilões

Ferrari LaFerrari com pintura única pode ser o mais caro de sempre em leilão

Menos de 1500 km e uma pintura única. É esta a receita que pode fazer com que este se torne o Ferrari LaFerrari mais caro de sempre em leilão.

Sempre que um Ferrari LaFerrari aparece para venda é notícia, afinal só foram construídos oficialmente 499 exemplares, ainda que a marca do Cavallino Rampante tenha feita uma 500.ª unidade que foi leiloada para ajudar as vítimas do sismo que abalou a região centro de Itália em 2016.

Mas há exemplares mais especiais do que outros, com mais ou menos pormenores, que acabam por influenciar o preço de venda. Este exemplar que vos trazemos, que vai a leilão no próximo dia 6 de novembro, promete ser um dos mais caros de sempre.

E tudo porque este é o único LaFerrari pintado na cor Vinaccia — pode traduzir-se como “cor de vinho” —, um tom único encomendado pelo proprietário que comprou este modelo através do concessionário da Ferrari Niki Hasler, em Basileia, na Suíça.

A NÃO PERDER: Ferrari LaFerrari, uma autobahn quase deserta… Quem não se sentiria tentado?
Ferrari LaFerrari leilão

No interior, destaque para o acabamento em pele castanha que a marca transalpina apelida de “Pelle Chiodi Di Garofano”. Tudo indica que esta cor foi criada para replicar o tom do habitáculo de dois Ferrari históricos que o proprietário já tinha na sua coleção.

Quanto à mecânica, e tal como os restantes LaFerrari, assenta num V12 atmosférico com 6.3 l de capacidade que debita uns estridentes 800 cv às 9000 rpm. Como se não fosse suficiente, é complementado por um sistema HY-KERS que adiciona eletrizantes 163 cv, totalizando 963 cv.

São números impressionantes e que lhe permitem acelerar dos 0 aos 100 km/h em 3,0s e superar os 350 km/h de velocidade máxima.

A RM Sotheby’s, a leiloeira responsável pela venda, explica que o dono original o manteve na sua posse durante “um ou dois anos” e acabou por ser, mais tarde, importado para o Reino Unido e registado em maio de 2018.

LEIAM TAMBÉM: Enzo e F50. Dupla Ferrari com motor V12 procura novo dono

Desde então pouco andou, o que explica o facto de somar apenas 1477 km no odómetro. Agora, está a ser vendido com um conjunto de malas na mesma cor do habitáculo, com um kit de ferramentas e todos os manuais originais.

A leiloeira estima que este Cavallino Rampante possa mudar de mãos por um valor entre os 2,6 e os 2,85 milhões de euros, mas a exclusividade deste modelo pode permitir-lhe “voos” muito mais altos. E não ficaríamos surpreendidos se registasse o maior valor de sempre de um LaFerrari em leilão…

Sabe responder a esta?
Em que ano foi lançado o Ferrari 365 GT4 Berlinetta Boxer?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Fomos enganados. Afinal BB em Ferrari 365 GT4 BB não significa Berlinetta Boxer

Mais artigos em Notícias