Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Vídeos

Dacia Jogger (vídeo). Estivemos com o crossover de 7 lugares mais barato do mercado

O Dacia Jogger quer combinar o melhor de três mundos: carrinhas, monovolumes e SUV. Mas será que consegue? Nós já o fomos conhecer.

Em Paris, França

Depois de muitos teasers, a Dacia mostrou finalmente o Jogger, um crossover que pode ter até sete lugares e que tem como objetivo juntar o melhor de três categorias: o comprimento de uma carrinha, o espaço de um monovolume e o aspeto de um SUV.

O Jogger é o quarto modelo chave para a estratégia da marca romena do Grupo Renault, depois do Sandero, do Duster e do Spring, o primeiro modelo 100% elétrico da Dacia.

Mas agora, o “senhor que se segue” é mesmo este Jogger, um modelo que quer apelar às famílias mais numerosas e aventureiras e que se quer destacar pelo espaço disponível, pela imagem robusta e pela versatilidade.

A NÃO PERDER: Testámos o Dacia Sandero ECO-G (GPL). Muito mais que um “preço-canhão”
Dacia Jogger

Viajámos até aos arredores de Paris (França) e fomos conhecê-lo em primeira mão — num evento reservado a jornalistas — antes da sua primeira aparição pública, que aconteceu no Salão de Munique de 2021.

Sentámo-nos dentro dele, avaliámos o espaço que ele oferece na segunda e terceira fila de bancos e ficámos a par de alguns “truques” usados pelos designers da marca romena. E mostramos-vos tudo no mais recente vídeo do canal de YouTube da Razão Automóvel:

Construído sob a plataforma CMF-B da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, ou seja, a mesma do Dacia Sandero, o novo Dacia Jogger tem 4,55 m de comprimento, o que faz dele o maior modelo da gama atual da Dacia.

E isso tem um reflexo muito positivo no habitáculo, que tem espaço “para dar e vender”, quer seja nos bancos do meio ou nos dois bancos traseiros, que podem ser retirados em apenas alguns segundos (mostramos como no vídeo).

LEIAM TAMBÉM: E o carro mais vendido na Europa em julho foi… o Dacia Sandero
Jogger com 7 lugares

Com os sete bancos em posição, o Dacia Jogger conta com 160 litros de capacidade de carga na bagageira, valor que sobe para os 708 litros com duas filas de bancos, e pode ser dilatado até aos 1819 litros com a segunda fila rebatida e a terceira removida.

E os motores?

O novo Dacia Jogger apresenta-se “ao serviço” com o bloco TCe a gasolina de 1.0 l e três cilindros que produz 110 cv e 200 Nm, que está associado a uma caixa manual de  seis velocidades, e com uma versão bi-fuel (gasolina e GPL) que já tanto elogiámos no Sandero.

A NÃO PERDER: Depois da Volvo, velocidade máxima dos Renault e Dacia será limitada a 180 km/h

Na versão bi-fuel, denominada ECO-G, o Jogger perde 10 cv face ao TCe 110 — fica-se pelos 100 cv e 170 Nm —, mas a Dacia promete consumos em média 10% inferiores aos do equivalente a gasolina, sendo que graças aos dois depósitos de combustível a autonomia máxima ronda os 1000 km.

Interior Jogger

Em 2023 chega a tão esperada versão híbrida, com o Jogger a receber o sistema híbrido que já conhecemos do Renault Clio E-Tech e que junta um motor 1.6 l atmosférico a gasolina com dois motores elétricos e uma bateria de 1,2 kWh, para uma potência máxima combinada de 140 cv.

Quando chega?

O novo Dacia Jogger só vai chegar ao mercado português em 2022, mais concretamente em março, pelo que os preços para o nosso país ainda não são conhecidos.

Contudo, a Dacia já confirmou que o preço de entrada na Europa central (em França, por exemplo) vai rondar os 15 000 euros e que a variante de sete lugares vai representar cerca de 50% das vendas totais do modelo.

Sabe responder a esta?
Qual a potência do Dacia Spring?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Dacia Spring em vídeo. Já conduzimos o elétrico mais barato em Portugal

Mais artigos em Notícias