Recharge No modo Recharge está a reduzir a sua pegada ecológica.

Obrigado por guardar energia para o que mais importa.

Uma iniciativa
x

Recharge

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Salão de Xangai 2021

Na China o Audi A7 Sportback é também um sedã chamado A7L

A Audi levou até ao Salão de Xangai o novo Audi A7L, uma versão alongada e de três volumes do "nosso" A7 Sportback. Exclusivo para a China.

Porquê transformar o A7 Sportback — um fastback de cinco portas — no novo Audi A7L, um alongado e mais tradicional sedã de três volumes e quatro portas? Bem, todos os mercados têm as suas especificidades e a China não é diferente.

O espaço destinado aos passageiros atrás é muito valorizado na China e o uso de motoristas privados é mais frequente que noutros mercados, não sendo assim tão incomum haver carroçarias longas de vários modelos nossos conhecidos vendidas exclusivamente por lá. E não são um exclusivo de berlinas topo de gama como um Mercedes-Benz Classe S, mas também podemos encontrá-las em sedãs mais pequenos como o Audi A4 ou até SUV/Crossover como o Audi Q2.

Chegou a vez do A7 ganhar a sua versão longa. Porém, ao contrário do que é habitual, o novo Audi A7L não foi apenas alongado, ganhou inclusive uma nova silhueta.

VEJAM TAMBÉM: O nome diz tudo. Audi A6 e-tron concept prevê A6 elétrico e nova plataforma PPE
Audi A7L

O novo Audi A7L viu a sua distância entre eixos crescer 98 mm em relação ao A7 Sportback, tendo agora 3026 mm, aumento que se refletiu no comprimento que passou a ser de 5076 mm (+77 mm). Ainda assim é mais curto que o Audi A8… “curto”, mas a distância entre eixos é, curiosamente, superior.

Se no A7 Sportback a linha de tejadilho arqueada cai de forma ininterrupta em direção à traseira, no A7L esta revela uma subtil diferença de curvatura após a segunda fila de bancos, caindo de forma mais pronunciada em direção à traseira e gerando, no processo, um demarcado terceiro volume.

As portas traseiras são mais longas e as janelas um pouco mais altas, o que deverá também trazer benefícios no entrar e sair do novo modelo.

De resto, é o A7 que já conhecemos. O interior é o mesmo e a grande diferença reside nas acomodações traseiras, bem mais espaçosas que aquelas que encontramos no “nosso” A7.

VEJAM TAMBÉM: Audi Q2 (2021). Testámos em vídeo o renovado e mais pequeno SUV da Audi

Lançamento em 2022

O lançamento do novo A7L será efetuado com uma edição especial e limitada (1000 exemplares). Por baixo do capô terá um 3.0 V6 turbo a gasolina e mild-hybrid, com 340 cv de potência, com os 500 Nm de binário a serem enviados às quatro rodas via uma caixa de dupla embraiagem de sete relações.

Será equipada ainda com eixo traseiro direcional — com uma distância entre eixos tão longa, agradece-se a manobrabilidade acrescida — e a suspensão será pneumática.

Audi A7L

O novo Audi A7L será produzido na China, pela SAIC, e será comercializado em paralelo com o A7 Sportback a partir de 2022, prevendo-se motorizações mais acessíveis, como o 2.0 l turbo, de quatro cilindros.

Mais artigos em Notícias