Apresentação

SEAT Leon TGI. Até 440 km de autonomia a gás natural

Tal como o antecessor, também o novo Leon vai ter disponível uma versão a gás natural (GNC ou Gás Natural Comprimido), o SEAT Leon 1.5 TGI.

O SEAT Leon 1.5 TGI iniciou a sua produção esta semana e incluirá não só a carroçaria de cinco portas e a transmissão DSG (dupla embraiagem e sete velocidades), como incluirá progressivamente a produção da carrinha Sporstourer e da caixa manual (seis velocidades).

A opção gás natural (TGI) junta-se, assim, à crescente oferta diversificada de motorizações do Leon que inclui opções a gasolina (TSI), gasóleo (TDI), gasolina mild-hybrid (eTSI) e híbrido plug-in (e-Hybrid).

Por debaixo do capô do Leon TGI temos um motor 1.5 turbo de 130 cv e 200 Nm, que funciona de acordo com o mais eficiente ciclo Miller. Este possui uma taxa de compressão de 12,5:1, um valor elevado para um motor com turbo, a justificar em parte a sua maior eficiência quando comparado com outros motores turbo que funcionam com o mais comum ciclo Otto — por norma andam pelos 10:1.

VÊ TAMBÉM: É oficial. O Skoda Octavia também já se converteu ao gás natural
SEAT Leon TGI

Até 440 km a gás

Ao contrário de outras versões, o novo SEAT Leon 1.5 TGI não tem um, mas sim quatro depósitos de combustível: três depósitos de GNC com uma capacidade combinada de 17,3 kg e um pequeno depósito de gasolina com uma capacidade de 9,0 l.

O Leon funciona sempre a GNC e promete uma autonomia máxima de 440 km. O pequeno depósito de gasolina servirá para aquelas situações de emergência, caso fiquemos com os depósitos de GNC vazios e não haja uma estação de serviço nas imediações para os reabastecer. Um problema bastante óbvio no nosso país, onde a rede de postos de abastecimento GNC continua a ser escassa.

Com consumos oficiais de 3,9-4,3 kg/100 km e emissões CO2 de 107-118 g/km, a redução das emissões para uma versão a gasolina correspondente é de 25%, diz a SEAT. Também os custos por quilómetro são inferiores, até 50% abaixo em comparação com um carro a gasolina equivalente e 30% inferior de um a gasóleo.

SEAT Leon TGI
VÊ TAMBÉM: SEAT Leon Sportstourer FR 1.5 eTSI. O que vale a nova carrinha espanhola?

Quando chega?

A produção do novo SEAT Leon 1.5 TGI iniciou-se esta semana, não tendo sido ainda divulgada a informação de quando será comercializada ou quanto custará.

Quando chegar a Portugal, estará disponível com a caixa automática DSG e com os níveis de equipamento Style e FR, com o SEAT Digital Cockpit a ser de série em ambos.

SEAT Leon TGI

Mais artigos em Notícias