Indústria

A Toyota é (novamente) o maior fabricante de automóveis do mundo

Depois de cinco anos, a Toyota recuperou o título de "maior fabricante de automóveis do mundo", tomando o lugar até agora ocupado pelo Grupo Volkswagen.

Depois de cinco anos arredada do primeiro lugar, a Toyota viu 2020 trazer-lhe novamente o título de “maior fabricante de automóveis do mundo”.

Se bem te recordas, nos últimos cinco anos o primeiro lugar foi ocupado pelo Grupo Volkswagen, se bem que em 2017 a Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi tenha colocado em causa essa liderança.

Ora, em 2020 não houve contestação e a Toyota viu as suas vendas acumuladas ao longo do ano ultrapassarem as de todos os outros fabricantes de automóveis.

VÊ TAMBÉM: Os carros mais vendidos no mundo em 2020 foram…
Gama Toyota
Se há algo que não falta à Toyota a nível global é oferta de modelos.

Os números da liderança

Como seria de esperar, os números que permitiram à Toyota recuperar o título de “maior fabricante de automóveis do mundo” refletem os efeitos da pandemia de Covid-19.

Para teres uma ideia, em 2019, o Grupo Volkswagen alcançou a liderança com um total de 10,97 milhões de veículos vendidos face aos 10,75 milhões contabilizados pela Toyota.

Em 2020 “bastaram” 9,53 milhões de veículos vendidos para a Toyota retomar o primeiro lugar, ainda que as vendas do gigante nipónico tenham caído 11% face ao ano anterior. Já o Grupo Volkswagen viu as vendas decrescerem 15%, tendo registado 9,31 milhões de veículos comercializados.

Fontes: Automotive News e Motor1.

Sabe responder a esta?
Qual era a potência do Nissan Sunny GTi-R?

Mais artigos em Notícias