Arranque a Frio

Queres um carro de Fórmula 1 dos anos 1950? A Vanwall vai fazer seis

A moda dos modelos de continuação veio para ficar e agora é a Vanwall que vai produzir seis exemplares dos seus monolugares de Fórmula 1 de 1958.

Depois da Aston Martin com as 25 réplicas do DB5 do James Bond, foi a vez da Vanwall (a primeira marca a conquistar o Campeonato do Mundo de Construtores na Fórmula 1) decidir voltar a produzir os carros que a celebrizaram.

No total serão produzidas seis unidades de continuação (é assim que lhes chamam na marca britânica) do monolugar de 1958. Cinco serão vendidas enquanto a sexta unidade fará parte da “Vanwall Historic Racing Team”.

Equipadas com um 2.5 l produzido de acordo com os esquemas originais e que deverá oferecer 270 cv, cada unidade será produzida à mão e levará milhares de horas a ser construída.

Quanto ao preço, cada unidade destes Vanwall de Fórmula 1 irá custar, sem impostos, 1,65 milhões de libras, cerca de 1,83 milhões de euros. Segundo Andrew Garner, presidente da Vanwall, “estes carros poderão correr em provas de Fórmula 1 históricos, permitindo antecipar um retorno dos duelos da década de 1950”.

VÊ TAMBÉM: A história da Honda na Fórmula 1. Do Japão para o mundo

Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabes responder a esta?
Em que ano é que a Renault conquistou a sua primeira vitória na Fórmula 1?

Mais artigos em Notícias