Arranque a Frio

Land Cruiser para a Terra; Toyota Lunar Cruiser para a Lua

Se o Land Cruiser é capaz de conquistar os "quatro cantos do mundo", a Toyota já se prepara para conquistar os "quatro cantos" da Lua com o Lunar Cruiser.

O Toyota Lunar Cruiser é o resultado da cooperação entre o gigante automóvel e a JAXA (Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial) para o desenvolvimento de um veículo de exploração lunar de cabina pressurizada, movido a eletricidade, mas que recorre a tecnologias usadas em células de combustível.

O nome escolhido diz tudo — e o conjunto faróis-“grelha” ainda mais. A associação do Lunar Cruiser ao venerável Land Cruiser é propositada, como refere o comunicado da Toyota:

“O nome, que referencia o Toyota Land Cruiser, foi decidido com base na qualidade, durabilidade e fiabilidade esperada do «rover» lunar pressurizado, e do conceito que a Toyota defende há muito para o Land Cruiser, que era para as pessoas «regressarem vivas», especialmente verdade para o «rover» lunar, pois irá percorrer o ambiente hostil da superfície da lua.”

TENS DE VER: Toyota Land Cruiser 150 2.8 D4-D (177cv). A história continua

O Lunar Cruiser estará em desenvolvimento durante a próxima década, com a sua revelação pública prevista para 2029 e uma missão lunar tripulada para 2030.

Para este ano fiscal (no Japão termina a 31 de março de 2021), estão previstas simulações de condução para confirmar a performance ao nível da dissipação de potência e calor, assim como testes para a produção das rodas e para a disposição do interior do veículo.


Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabes responder a esta?
Que carro está pendurado no teto do Museu do Estádio do Dragão, no Porto?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Há um Toyota Carina II pendurado no Estádio do Dragão. Porquê?

Mais artigos em Notícias