Super GT

Aston Martin DBS Superleggera (725 cv). O MAIS POTENTE do canal

Neste vídeo colocámos à prova o Aston Martin DBS Superleggera e os seus 725 cv de potência. Ou terá sido ele que nos colocou à prova?

Foi aqui que chegámos. Mais de um século de indústria automóvel radicou em automóveis como este: um «super GT» com 725 cv de potência e 900 Nm de binário máximo. Falo do Aston Martin DBS Superleggera.

Uma «besta» de prestações assombrosas que é simultaneamente capaz de apresentar «boas maneiras» e um conforto assinalável. Uma «besta» que os técnicos da Aston Martin souberam domar para gáudio dos nossos sentidos.

Uma pergunta. Duas respostas.

Queremos ser hooligans na estrada, ou queremos ser verdadeiros cavalheiros? O Aston Martin DBS Superleggera permite-nos ser ambos — por vezes em simultâneo. Neste vídeo, assumimos as duas identidades:

O Aston Martin DBS Superleggera é um carro de extremos, apesar da sua capacidade de ser moderado. A sua capacidade de acelerar dos 0-160 km/h em apenas 6,5 segundos e superar os 340 km/h é prova disso mesmo. Porém, com a mesma facilidade com que atinge esta cifras, também permite circular calmamente numa avenida junto ao mar.

Aston Martin DBS Superleggera
Motor V12. É aqui que uma fatia considerável da magia acontece. É graça a ele que dos 0-200 km/h é muito difícil descolar do banco. Uma dificuldade que contrasta com a facilidade com que o ponteiro supera os 300 km/h…

A Aston Martin está a atravessar um das melhores fases da sua história — uma história que já conta com 107 primaveras — e este Aston Martin DBS Superleggera é a prova disso mesmo. Nos últimos 3 anos os lançamentos da marca inglesa têm-se sucedido ao ritmo de um todos os anos, lançamentos que não continuar a acontecer. O próximo será um «super SUV»: o Aston Martin DBX.


Uma nota de agradecimento à Quinta de Sant’Ana, no Gradil, e a todos os seus responsáveis pela cedência do espaço para as gravações deste vídeo.

Primeiras impressões

8 / 10
O Aston Martin DBS Superleggera é um carro de sonho, que cumpre na plenitude aquilo que se exige a um «Super GT». Prestações avassaladoras, conforto acima da média, exclusividade e um design muito bem conseguido. Um modelo que olha nos olhos da concorrência alemã e italiana sem pudores. Os ingleses da Aston Martin estão, muito provavelmente, na sua melhor fase de sempre.

  • Potência do motor;

  • Design;

  • Conforto/eficácia;

  • Sistema de infotainment

  • Interior demasiado semelhante a outros modelos Aston Martin;

Preço

393.000

Data de comercialização: Agosto 2020


Mais artigos em Primeiro Contacto