Apresentação

Ariel Nomad R. Ainda mais radical e muito mais limitado

Com um novo motor e (ainda) mais potência, o Ariel Nomad R é a versão mais radical do desportivo britânico. No total só serão produzidas cinco unidades.

Revelado há cerca de cinco anos como o Ariel Atom para quem não gosta de alcatrão, o Nomad apresenta-se agora na sua versão mais radical (e exclusiva), adotando a designação Ariel Nomad R.

Originalmente, o Nomad estava equipado com o bloco Honda K24 i-VTEC de 2.4 l, 238 cv e 300 Nm, tendo recebido depois com uma versão turbo deste motor com 294 cv e 340 Nm — parece que ainda havia espaço para receber mais potência.

A “culpa” é do bloco K20Z3 da Honda com 2.0 l que depois de receber um compressor da Ariel passou a oferecer 340 cv às 7600 rpm e 330 Nm às 5500 rpm.

VÊ TAMBÉM: Ainda queres aquele Jeep? Ford Bronco e Bronco Sport revelados
Ariel Nomad R

Prestações balísticas

Quando combinamos os 340 cv com os anoréticos 670 kg de massa, o Ariel Nomad R é capaz de alcançar os 100 km/h em apenas 2,9s, tendo uma velocidade máxima de 195 km/h.

A transmissão está a cargo de uma caixa sequencial de seis relações da Sadev idêntica à usada pelos Ariel Atom 3.5R e Atom V8. Entre as muitas qualidades desta caixa encontra-se o peso, que se fica pelos 38 kg.

Equipado com jantes de 18”, o Nomad R conta com amortecedores ajustáveis Bilstein MDS e molas da Eibach, sendo que ambos os componentes foram especialmente desenvolvidos para o Ariel Nomad R.

VÊ TAMBÉM: Caterham Seven 485 R (240 cv) em vídeo. Um brinquedo para ADULTOS

Com uma produção limitada a apenas cinco (!) unidades, o Ariel Nomad R custa 64 500 libras (cerca de 70 805 euros) antes de impostos.

Sabes responder a esta?
Em que ano é que o Portaro deixou de ser produzido?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Sabias que o “nosso” Portaro também foi testado pela TV britânica?

Mais artigos em Notícias