Preços

Mazda CX-30 já chegou a Portugal. Fica a saber quanto custa

O Mazda CX-30, o novo SUV do construtor, já está disponível para encomenda no mercado nacional. Fica a conhecer a gama e os preços.

O novo Mazda CX-30 é, efetivamente, o SUV do novo Mazda3. Posicionado entre o mais pequeno CX-3 e o bem maior CX-5, parece ter as dimensões certas (é inclusivamente 6 cm mais curto que o Mazda3 do qual deriva) para cumprir ambos os papéis de familiar compacto e de companheiro para o dia-a-dia.

Para os que já estão a dizer “ou não, mais um SUV”, o ditado “contra factos não há argumentos” mais que justifica a forte aposta da Mazda nesta tipologia — atualmente o CX-5 é o seu modelo mais vendido globalmente.

Na Europa, e em particular em Portugal, são fortes as probabilidades de que o CX-30 passe a ser o modelo mais vendido da Mazda.

A NÃO PERDER: Porque razão o Mazda CX-30 não se chama CX-4?

E porque não? Repare-se nos números do mercado nacional: 30,5% dos automóveis novos vendidos em 2019 (dados até junho) são SUV ou crossover, um salto de 10 pontos percentuais em relação a 2017. E são os de pequena (15,9% de quota) e média dimensão (11%) que mais crescem e continuam a roubar quota aos segmentos tradicionais.

Quando juntamos os B-SUV e C-SUV aos segmentos tradicionais B e C, perfazem praticamente 80% do mercado — é difícil não ver no novo CX-30 a resposta certa às necessidades do mercado. O objetivo da Mazda é vender 1500 unidades do CX-30 num ano em Portugal.

Em Portugal

O novo Mazda CX-30 chega até nós com uma gama ampla, assente em três motorizações, duas transmissões, dois tipos de tração e dois níveis de equipamento.

Começando pelas motorizações, estão disponíveis duas a gasolina e uma Diesel, todas elas já conhecidas do Mazda3. Nos motores a gasolina, um tipo de motor cuja importância tem crescido bastante no segmento — a quota subiu de 6% para 25,9% entre 2017 e 2019 —, encontramos como motorização de acesso o SKYACTIV-G com 2,0 l e 122 cv e 213 Nm de binário.

Será complementado, a partir de outubro, com a chegada do revolucionário SKYACTIV-X também com 2,0 l, mas 180 cv e 224 Nm. Nos Diesel, que apesar da perda de relevância, são ainda os mais escolhidos no segmento em Portugal — quota de 88,6% em 2017, está nos 61,9% em 2019 —, encontramos o já conhecido SKYACTIV-D 1,8 de 116 cv e 270 Nm.

A NÃO PERDER: Mazda SKYACTIV-X em vídeo. Este motor a gasolina funciona como um DIESEL

Todas as motorizações podem ser casadas tanto com uma caixa de velocidades manual de seis velocidades ou uma automática (conversor de binário) com igual número de relações. Incomum é o facto de todas as motorizações poderem ser associadas à tração integral (AWD), característica que em muitos rivais nem sequer existe.

Mazda CX-30

Equipamento

A gama dividir-se-á posteriormente por dois níveis de equipamento, Evolve e Excellence, havendo ainda vários packs opcionais.

Independentemente do nível de equipamento escolhido, a oferta de série é extensa, mesmo no Evolve: faróis e farolins traseiros em LED, retrovisores aquecidos e com rebatimento automático, ecrã TFT de 8,8″ para o sistema de info-entretenimento — inclui sistema de navegação —, volante e manípulo da caixa em pele, ar condicionado automático, apoio de braço, Head-up Display, entre outros.

Inclui ainda equipamentos de segurança como o apoio inteligente à travagem em cidade com deteção de peões, detetor de ângulo morto com alerta de tráfego traseiro, aviso de saída de faixa, cruise control adaptativo com assistente inteligente de velocidade, sensores de estacionamento traseiros e máximos automáticos.

O nível Evolve pode ser combinado com os Packs:

  • Active — jantes 18″, câmara traseira, sensores de estacionamento dianteiros, bagageira elétrica, vidros traseiros escurecidos e chave inteligente;
  • Safety — Alerta de Tráfego frontal, sistema de monitorização do condutor, sistema inteligente de apoio à travagem em marcha-atrás, monitor de visualização superior e sistema de apoio ao trânsito em fila;
  • Sound — sistema áudio BOSE
  • Sport — assinatura luz LED e luzes diurnas em LED.

No Excellence, os equipamentos descritos nos Packs Active, Safety e Sound passam a ser de série, e acrescenta ainda faróis LED adaptativos e bancos em pele, com o do condutor a ter regulação elétrica.

Mazda CX-30

Quando chega e quanto custa?

O novo Mazda CX-30 já se encontra à venda nas motorizações SKYACTIV-G 2.0 e SKYACTIV-D 1.8. O CX-30 equipado com o inovador SKYACTIV-X 2.0 iniciará comercialização no próximo mês de outubro.

  • CX-30 SKYACTIV-G 2.0 Evolve — entre 28 671 euros e 35 951 euros;
  • CX-30 SKYACTIV-G 2.0 Excellence — entre 34 551 euros e 38 041 euros;
  • CX-30 SKYACTIV-X 2.0 Evolve — entre 34 626 euros e 42 221 euros;
  • CX-30 SKYACTIV-X 2.0 Excellence — entre 39 106 euros e 45 081 euros;
  • CX-30 SKYACTIV-D 1.8 Evolve — entre 31 776 euros e 45 151 euros;
  • CX-30 SKYACTIV-D 1.8 Excellence — entre 37 041 euros e 47 241 euros.

Sabes responder a esta?
Em que ano foi apresentado a primeira geração do Mazda MX-5?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

O primeiro Mazda MX-5 é assim tão bom?
Em cheio!!
Vai para a próxima pergunta

ou lê o artigo sobre este tema:

O primeiro Mazda MX-5 é assim tão bom?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos