Leilão

O último Saab de sempre vai a leilão

Este Saab 9-3 Aero foi o último a sair das linhas de produção de Trollhattän, na Suécia, em 2014. Por quanto ficará este pedaço de história automóvel?

De acordo com a história, a produção de automóveis Saab em Trollhattän terminou oficialmente em 2011, mas a NEVS (National Electric Vehicle Sweden), o consórcio chinês que adquiriu por fim a Saab, retomou-a em dezembro de 2013, produzindo 420 unidades mais do Saab 9-3 Aero até maio de 2014.

Todos eles saíram da linha de produção com especificações idênticas, variando apenas a transmissão — podia vir com uma caixa manual de seis velocidades ou automática —, e a cor, podendo vir ou em preto ou em cinzento prata, como a unidade que vai a leilão.

As diferenças destes Saab 9-3 da NEVS para os que a General Motors produziu resumem-se a uma frente re-estilizada e caixas dos faróis com um tom azul, são os destaques. De resto, todos eles vinham equipados com o bloco de 2.0 l turbo de 220 cv de origem GM.

RELACIONADO: Este Saab 9-5 é o derradeiro unicórnio sobre rodas

O Saab 9-3 Aero que vai a leilão, de acordo com a NEVS, foi a última unidade a ser produzida — o número de série (VIN) é YTNFD4AZXE1100257 —, é de 2014, e tem apenas 5 km no odómetro.

A NEVS exibiu esta unidade na entrada principal da sua sede em Trollhattän, durante o último Festival Saab que ocorreu no último fim de semana. No entanto, ainda não anunciou nada relativo ao leilão, nem quando se realizará, nem o preço inicial pedido por este automóvel histórico — essa informação será disponibilizada mais tarde.

RELACIONADO: Koenigsegg e NEVS juntam-se para explorar novos mercados

Sabes responder a esta?
Qual a potência do Koenigsegg Jesko?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Koenigsegg Jesko em vídeo. EXCLUSIVO com Christian Von Koenigsegg

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos