Arranque a Frio

O Lada Niva simplesmente recusa-se a morrer

O Lada Niva, ou 4X4 como é agora simplesmente chamado, ganha novo fôlego na sua carreira de… 42 anos, ao conseguir cumprir a norma Euro6D-TEMP.

Não é só o veterano Peugeot 405 que dura, dura e dura… Da Rússia temos o caso do Lada Niva, o pequeno off-road que antecipou o SUV contemporâneo por décadas, ao prescindir do chassis de longarinas e travessas, recorrendo a uma monocoque.

Lançado no longínquo ano de 1977, ainda a Rússia se chamava União Soviética, o pequeno Niva demonstra uma resiliência à prova de tudo, até das exigentes normas de emissões. A sua discreta carreira na Europa (União Europeia), com vendas limitadas de modo a contornar as (também) apertadas normas de segurança, parecia condenada.

Tudo devido à entrada em vigor em setembro de 2018 da norma Euro6D-TEMP e do ciclo de testes WLTP, que exigia nova re-certificação.

Ainda não foi desta — o Niva vive… A Lada atualizou o veterano bloco a gasolina atmosférico de 1.7 l e 83 cv tendo conseguido superar o ciclo WLTP, garantindo a certificação Euro 6D-TEMP — as emissões de CO2 são de 226 g/km.

Desta forma, o Lada Niva pode continuar a ser vendido na União Europeia… pelo menos até ao final de 2020, antes de entrar em vigor da ainda mais exigente Euro 6D. Talvez seja melhor não apostar contra a sobrevivência do Niva…

VÊ TAMBÉM: Um Lada Niva a abrir um troço de rali é o que precisas para animar o teu dia

Sobre o “Arranque a Frio”. De segunda a sexta-feira na Razão Automóvel, há um “Arranque a Frio” às 8h30 da manhã. Enquanto bebes o teu café ou ganhas coragem para começar o dia, fica a par de curiosidades, factos históricos e vídeos relevantes do mundo automóvel. Tudo em menos de 200 palavras.

Sabes responder a esta?
Qual destes automóveis não nasceu num país a leste da Cortina de Ferro?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Os 10 melhores automóveis nascidos em solo comunista

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos