Relatório

Comissão Europeia. Estradas portuguesas são das melhores da UE

Quem o diz é a Comissão Europeia, que coloca as estradas portuguesas como as segundas melhores da União Europeia num relatório recentemente divulgado.

Muitas vezes damos por nós a criticar o estado das nossas estradas, e quando o fazemos, acabamos por usar uma frase tipicamente portuguesa: “lá fora deve ser melhor”. Pois bem, ao que parece isso não é bem verdade, como veio agora comprovar um relatório divulgado pela Comissão Europeia destinado a avaliar a qualidade das estradas nos Estados-membros.

De acordo com o relatório, Portugal é o segundo país da União Europeia com melhores estradas com uma avaliação de 6,05 pontos numa escala de 1 a 7. À frente do nosso país surge apenas a Holanda com uma pontuação de 6,18 pontos, enquanto a França completa o pódio com um total de 5,95 pontos. Já a média da União Europeia fica-se pelos 4,78 pontos.

A classificação, que se baseia numa pesquisa do Fórum Económico Mundial, coloca Portugal à frente de países como a Alemanha (5,46 pontos), Espanha (5,63 pontos) ou a Suécia (5,57 pontos). Já em 2017 Portugal tinha conseguido um lugar no pódio, no entanto, na altura os 6,02 pontos alcançados apenas permitiram um terceiro lugar atrás da Holanda e França.

VÊ TAMBÉM: Comissão Europeia dá dois meses para Portugal alterar legislação sobre carros usados importados

Sinistralidade também em queda

Numa posição diametralmente oposta à portuguesa encontramos países como a Hungria (3,89 pontos), a Bulgária (3,52 pontos), a Letónia (3,45 pontos), Malta (3,24 pontos) sendo que o (nada) cobiçado título de país com as piores estradas da União Europeia pertence à Roménia (tal como em 2017), que conta apenas com 2,96 pontos (eram 2,70 em 2017).

Já no que diz respeito à sinistralidade, um relatório publicado pela Comissão Europeia indica que entre 2010 e 2017 as vítimas mortais em acidentes de viação reduziram cerca de 36% em Portugal (a média de redução na UE ficou-se pelos 20%).

VÊ TAMBÉM: E o líder nacional de vendas do segmento C em 2018 foi… o Nissan Qashqai

Esta redução no número de vítimas mortais fez com que em 2017 (ano ao qual o relatório se refere), o número de mortes na estrada por milhão de habitantes ficasse nas 58 mortes por milhão de habitantes, um valor acima da média europeia de 49 vítimas mortais por cada milhão de habitantes e que coloca Portugal no 19º lugar entre os 28 Estados-membros.

VÊ TAMBÉM: Confirma-se. Portugal é dos países onde é mais caro ter carro

Em primeiro lugar da lista surge a Suécia (25 mortes por um milhão de habitantes) seguida pelo Reino Unido (28 mortes por um milhão de habitantes) e Dinamarca (30 mortes por um milhão de habitantes). Nos últimos lugares encontramos a Bulgária e a Roménia com 96 e 99 mortes por milhão de habitantes, respetivamente.

Fonte: Comissão Europeia, Publications Office of the European Union.

Sabes responder a esta?
Qual foi o vencedor do prémio Carro do Ano 2019 em Portugal?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Peugeot 508 é o Carro do Ano 2019 em Portugal

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos