Salão de Genebra 2019

Aston Martin ataca Ferrari, Lamborghini e McLaren com três máquinas de motor central traseiro

Para além do hiperdesportivo Valkyrie, a Aston Martin revelou mais dois protótipos de motor central traseiro, o Vanquish Vision Concept e o AM-RB 003.

A Aston Martin parece apostada em “tomar de assalto” o mundo dos super e hiperdesportivos de motor central traseiro (mid-engine), universo dominado pela Ferrari, Lamborghini e McLaren. A prová-lo está o facto de a marca britânica ter levado ao Salão de Genebra 2019, para além do Valkyrie, mais dois protótipos com o motor colocado mesmo atrás dos bancos dianteiros.

Os protótipos dão pelo nome de Vanquish Vision Concept e AM-RB 003, e ambos estreiam e partilham inédito motor V6 biturbo e híbrido da Aston Martin, e apesar da arquitetura idêntica, há muito a separá-los.

O primeiro recupera o nome Vanquish, reinventando o GT de motor dianteiro como um superdesportivo de motor central traseiro, rival do Huracán e F8 Tributo, e irá recorrer a uma estrutura em alumínio, devendo surgir no mercado por volta de 2022.

ESPECIAL: Todas as novidades do Salão de Genebra 2019 estão aqui

Já o segundo, o AM-RB 003, aponta à classe dos hiperdesportivos, com a marca britânica a chamá-lo de “filho do Valkyrie” e deverá chegar ao mercado no final de 2021. Do Valkyrie herdará muita da sua tecnologia, assim como a fibra de carbono como o seu principal material (estrutura e carroçaria). Posicionar-se-á acima do Vanquish, mas a sua produção será limitada a apenas 500 unidades.

Aston Martin Vanquish Vision Concept © Thom V. Esveld / Razão Automóvel

Hibridização é o caminho a seguir

Apesar de ainda não terem sido divulgados dados relativos às características técnicas do inédito motor V6 ao qual ambos os modelos vão recorrer, a Aston Martin afirma que em ambos os casos será aplicada uma solução de hibridização.

No entanto, a marca britânica já informou que apesar de recorrerem à mesma unidade motriz, apresentarão patamares de potência e performance distintos.

Aston Martin stand Genebra © Thom V. Esveld / Razão Automóvel

Comum a ambos os modelos foi a ajuda da equipa de Fórmula 1 Red Bull no desenvolvimento da carroçaria e das soluções aerodinâmicas. No entanto, é no AM-RB 003, mais extremista, que essa influência é mais notória, com a forma a dar lugar à função, procurando o melhor desempenho aerodinâmico, sem no entanto, chegar aos extremos observados no Valkyrie.

Prova desse foco na aerodinânica é o uso da tecnologia da Aston Martin Flex Foil, similar à usada pela McLaren no Speedtail e que permite criar painéis da carroçaria flexíveis, cuja sua orientação pode ser alterada, tal como se tratasse de um spoiler ajustável.

O nosso primeiro (modelo) com motor central traseiro é um momento transformador para a marca, pois é o carro que lançará a Aston Martin para um setor do mercado tradicionalmente visto como o coração dos carros desportivos de luxo.

Andy Palmer, CEO Aston Martin

Sabes responder a esta?
Qual é a cilindrada do Aston Martin Vantage?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Conduzimos o novo Aston Martin Vantage. Melhor que o Porsche 911?

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos