Indústria

Toyota Portugal termina 2017 com subida nos lucros de quase 60%

A Toyota Portugal teve um ano de 2017 em cheio, com os lucros a dispararem quase 60%, para um resultado líquido perto de 9,5 milhões de euros. Auris, Yaris e C-HR foram os modelos que mais contribuíram para estes resultados.

Depois de terminado 2016 com um lucro de seis milhões de euros, o importador nacional da Toyota conseguiu, no último ano, uma performance ainda melhor, com o volume de negócios a subir 15,8%, para os 390 milhões de euros. Performance que fez com que os lucros disparassem 57,1% face ao ano transato, para os 9,4 milhões de euros.

No comunicado enviado à Comissão do Mercado e Valores Mobiliários (CMVM), a Toyota Caetano atribui estes resultados ao “crescimento verificado no mercado automóvel em Portugal, e que foi acompanhado pelos níveis de atividade registados no Grupo Toyota Caetano, com especial destaque para as viaturas híbridas, Auris, Yaris e Crossover C-HR“.

Já o EBITDA (Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização), atingiu, em 2017, os 34 milhões de euros, valor que representa uma subida de 35,6% face a 2016, e que encontra explicação na “implementação de um conjunto de medidas nomeadamente no que concerne aos custos de estrutura e um ligeiro aumento de margem de comercialização”. Com a Toyota Portugal a destacar ainda o “crescimento e melhoria de rentabilidade do projeto de montagem de veículos todo terreno para exportação (LC70), na unidade fabril de Ovar”.

RELACIONADO: Toyota Prius com restyling ainda este ano, mais próximo do Prius Plug-in
Toyota Auris

Financiamento coloca resultados financeiros no vermelho

Por outro lado e apesar dos resultados operacionais terem atingido os 15,4 milhões de euros, mais 61,3% que em 2016, a Salvador Caetano reconhece resultados financeiros negativos, de 2,6 milhões de euros, devido às “necessidades acrescidas de financiamento em que o Grupo Toyota Caetano Portugal incorreu, de forma a fazer face ao crescimento de actividade”.

Ainda assim, a Toyota Portugal já decidiu, na assembleia geral da passada sexta-feira, entregar aos acionistas grande parte do lucro obtido em 2017, pagando 20 cêntimos por ação, valor que representa uma retribuição total de 7 milhões de euros.

Toyota C-HR

Sabes responder a esta?
Qual é a aceleração dos 0 aos 100 km/h anunciada pelo Volkswagen I.D. R Pikes Peak?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Volkswagen desvendou protótipo mais rápido que um F1 para atacar Pikes Peak

Mais artigos em Notícias