Salão de Genebra 2018

Porsche Mission E Cross Turismo surpreende em Genebra

Porsche Mission E Cross Turismo. Eis a surpresa da marca de Estugarda, para o Salão Automóvel de Genebra — a variante CUV do conhecido e elétrico Mission E.

Numa altura em que a marca alemã de desportivos toma progressivamente o caminho da mobilidade elétrica, a Porsche surpreendeu no momento da abertura das portas no Salão Automóvel de Genebra: o Porsche Mission E Cross Turismo, um protótipo Cross-Utility Vehicle (CUV) 100% elétrico, com autonomia para 400 quilómetros e carregável em cerca de 15 minutos.

Com 4,95 m de comprimento, tração integral e uma arquitectura elétrica de 800 volts, este Porsche Mission E Cross Turismo, evolução do estudo Mission E, destaca-se ainda por dispor de muito espaço para acomodação de equipamento desportivo, pranchas de surf ou até a Porsche e-bike.

Além de vir com o Porsche Dynamic Chassis Control (PDCC), como CUV que é, a suspensão pneumática é adaptativa, garantindo mais 50 mm de distância ao solo quando necessário, e vem munido de direção às quatro rodas.

Porsche Mission E Cross Turismo

O interior acomoda quatro ocupantes em bancos individuais, com a acessibilidade a ser beneficiada pela altura de 1,42 m — 12 cm mais do que a berlina Mission E. A versatilidade é garantida pela presença na bagageira de um sistema de calhas e cintas ajustáveis removíveis.

Ecrãs táteis com eye tracking são novidade

No interior, o painel de instrumentos é composto por três mostradores virtuais circulares e divididos em áreas para o Porsche Connect, performance, condução, energia e Sport Chrono.

O sistema é capaz de reconhecer, a qualquer momento, para qual dos mostradores é que o condutor está a olhar (eye tracking), fazendo com que este se mova, automaticamente, para primeiro plano, enquanto os restantes passam para o fundo. A informação pode também ser controlada através dos comandos smart-touch, colocados no volante.

O passageiro da frente beneficia de um prolongamento deste mesmo ecrã, no qual pode operar várias aplicações através de eye tracking ou da tecnologia tátil. São complementados por pequenos ecrãs táteis, para controlo das janelas, bancos e até climatização.

VÊ TAMBÉM: Pelo Alentejo ao volante do Porsche Panamera mais potente de sempre

Até 400 km de autonomia… recarregável em 15 minutos

Em termos de propulsão, referência para os dois motores síncronos permanentemente ativos (PSM), com uma potência combinada superior a 440 kW (600 cv), que levam o Mission E Cross Turismo até aos 100 km/h em menos de 3,5 segundos, e até aos 200 km/h em menos de 12 segundos.

O conjunto de bateria de iões de lítio garante, segundo o ciclo NEDC, até 400 quilómetros com uma só carga. Mas o destaque é que o Porsche Mission E Cross Turismo não necessita mais do que 15 minutos para recarregar a bateria.

Feito só possível através da rede de carregamento rápido IONITY, que está a ser implementada nas estradas europeias, ou em casa e no trabalho, através da tecnologia de indução ou de um sistema Porsche Home Energy Management System.

A NÃO PERDER: Todas as novidades do Salão de Genebra 2018 de A a Z

Subscreve o nosso canal de YouTube, e acompanha os vídeos com as novidades, e o melhor do Salão de Genebra 2018.

Sabes responder a esta?
O CUPRA e-Racer tem tração…
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

CUPRA e-Racer. O desportivo silencioso para o TCR em Genebra

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos