Clássicos

Jaguar XJ220 mostra a sua raça frente ao Bugatti EB110

O Jaguar XJ220 chegou a ser o carro mais rápido do planeta no início da década de 90. Apesar dos anos já passados, continua a mostrar que é merecedor do título.

Superdesportivo fabricado pela Jaguar entre 1992 e 1994, cuja produção não ultrapassou as 275 unidades, o Jaguar XJ220 foi um dos modelos mais incompreendidos, mas também mais marcantes, da marca britânica. O facto de ter ostentado, durante grande parte desse mesmo período, o título de veículo de série mais rápido do mundo, pode ter algo a ver com isso.

Equipado com um V6 3,5 litros biturbo a gasolina, a debitar 550 cv de potência, apoiado numa mera caixa manual de cinco velocidades e tração traseira, o XJ220 conseguia alcançar uma velocidade máxima de 341,7 km/h. Registo que lhe permitiu manter um título que só acabaria por perder em 1994, para o hoje em dia bem mais famoso (e caro!) McLaren F1.

Ainda assim e entre os feitos alcançados, está, em 1991, o recorde da volta mais rápida ao circuito alemão de Nürburgring, com o tempo de 7min 46,36s. O tempo é debatível, já que se tratava de um protótipo e não do carro de série, mas esse tempo permaneceria como marca a abater durante 10 anos, ou seja, até 2001.

Jaguar XJ220
O mais elegante superdesportivo de sempre?

Drag race com Jeremy Clarkson ao volante

Passados mais de 25 anos sobre o lançamento do modelo, Jeremy Clarkson e seus pares quiseram dar ao XJ220 o merecido reconhecimento, voltando a colocá-lo à prova, no seu novo programa “The Grand Tour”. Só que, desta feita, frente a um dos rivais da altura, o Bugatti EB110, outra máquina surpreendente — 3.5 V12, quatro turbos, 560 cv, caixa manual de seis velocidades e tração integral.

Submetidos a drag race “importada dos anos 90”, fica o vídeo a comprovar que, apesar da idade, o Jaguar XJ220 continua aí para as… retas!

 Está um Jaguar XJ220 à venda

Com apenas 275 unidades produzidas, não é todos os dias que estes “grandes felinos” aparecem à venda.  Mas existe um, quase imaculado, à procura de novo dono. Único senão: está em Miami, nos EUA… e tem como preço quase meio milhão de euros.

Jaguar XJ220 1992

Com data de fabrico de 1992 — ou seja, é uma das primeiras unidades entregues —, este XJ220 apresenta não mais que 1931 quilómetros cumpridos, dos quais resultaram pouco mais que uns pequenos riscos e uma amolgadela, num dos painéis. Fora isso, avança a americana Road & Track, está um mimo, inclusive, no capítulo da mecânica.

Jaguar XJ220 1992
Particularidade: painel de instrumentos prolongava-se pela porta

 

Para confirmar da boa condição do carro, o vendedor disponibiliza-se a levar o carro a uma oficina americana especializada neste modelo, para que seja vistoriado e seja feita uma revisão da correia de sincronização, assim como limpeza dos tanques. Tudo isto, antes da entrega ao novo dono.

Jaguar XJ220 1992
Foi anunciado com um V12, mas chegou ao mercado com um V6 Turbo. No entanto, pujança não lhe falta…

Interessado e com disponibilidade financeira para adquirir um verdadeiro clássico dos superdesportivos? O XJ220 está a ser vendido pela Hemmings pela módica quantia de 424 638 euros (negociáveis, atenção!). Sempre podes vir a imitar o Jeremy Clarkson…

 

 

Sabes responder a esta?
Qual a autonomia anunciada pelo novo Renault ZOE CR?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Renault ZOE CR. Nova versão oferece tempos de carregamento inferiores

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos