Dinâmico

Alfa Romeo Stelvio. Emoção e dinâmica ao volante de um SUV.

É o primeiro SUV da marca italiana, mas nem por isso a marca se poupou a esforços para que a entrada do Alfa Romeo Stelvio no segmento dos SUV fosse em grande.

Indiscutivelmente ligada ao design e à elegância, a Alfa Romeo sempre foi uma marca de paixão com êxitos inevitáveis na competição, e à qual parece regressar já este ano, conforme podes ver aqui.

É certo que já atravessou momentos menos bons, mas com a escola de um passado tão marcante, aliado a um investimento forte, a marca tem sabido apresentar novas propostas que aliam o já habitual e atraente design italiano, a características que recordam o ADN da competição já referido.

Sem querer ser exceção à moda dos SUV, a marca apostou também neste segmento, e em boa hora o fez… Porquê? Vais ter de ler até ao fim.

alfa romeo stelvio

A entrada no mundo SUV é feita, como não podia deixar de ser, com um design bem diferenciador e atraente. O Alfa Romeo Stelvio consegue conciliar o aspeto de “bambino terribile”, com o charme necessário para desfilar na mais desejada passerelle automóvel.

RELACIONADO: Alfa Romeo, a marca dos… SUV?!

Na frente, o característico scudetto com o símbolo no topo divide o para-choques, com os faróis rasgados com assinatura LED a contribuírem para o dinamismo do modelo, evidenciado por tantos outros pormenores que não ficaram esquecidos.

A versão ensaiada não encarna a veia mais dinâmica do SUV italiano, mas ainda assim as linhas evidenciadas pela cor vermelha destacam-no por entre a multidão de SUV que o mercado alberga. A traseira, também ela elegante, tem aqui um papel desafiador ainda assim, fruto das grandes ponteiras de escape nas extremidades embutidas na parte inferior do para-choques. O conjunto resulta de uma forma irrepreensível e por cá é unânime que foi bem conseguido.

alfa romeo stelvio

O interior pauta por um enorme bom gosto e marca a diferença com pormenores como o botão de arranque do motor posicionado no volante, ou o ecrã do sistema multimédia embutido harmoniosamente na consola. Os mostradores com a típica dupla bossa, divididos por um ecrã digital, e as saídas da ventilação laterais, relembram modelos de outrora.

O sistema de infoentretenimento prima essencialmente pelo botão de comando rotativo, semelhante ao que a concorrência alemã oferece, já que o sistema é mediano. As opções são poucas, e os comandos são pouco intuitivos e diretos. Este é um dos pontos onde a marca italiana ainda tem que se esforçar para se aproximar dos seus concorrentes. No entanto, a acompanhar, a qualidade da maior parte dos materiais agradam.

E ESTE? Já podes encomendar o Alfa Romeo Stelvio Quadrifoglio em Portugal

Primeiro estranha-se…

Quando vamos para a estrada, imediatamente estranhamos a condução em vários aspetos, mas apenas porque requerem alguma habituação. A direção é demasiado direta, respondendo a qualquer toque de volante, e a travagem (mais forte) tem de ser feita com convicção, levando-nos a perceber que o Stelvio tem personalidade própria, até na condução.

alfa romeo stelvio

Já acostumados somos brindados com um comportamento dinâmico que poucos conseguem, talvez por isso o nome Stelvio, como referência ao “Passo dello Stelvio”, uma estrada de montanha a 2750 metros de altitude com 60 curvas que contornam os Alpes italianos, ao longo de 20 km.

É preciso contudo garantir que o modo Dynamic do seletor DNA está ativo, só assim é possível conferir o bom acerto da suspensão patenteada pela marca a trabalhar em conjunto com um sistema de tração integral com autoblocante mecânico no eixo traseiro, denominado de Q4, e que garante a estabilidade e tração. Mas não é tudo… a caixa automática, a ZF de oito velocidades, assume outra destreza, e tem aqui uma particularidade de excelência. As patilhas!

Excelência e pormenor

As patilhas por detrás do volante são o presente das caixas automáticas e, provavelmente, o futuro em todos os segmentos. É por isso que na minha humilde opinião, não chega um “bocado de plástico” por trás do volante.

Do auge da condução mais empolgante em estrada, às voltas na cidade, usamos e abusamos dos 16 cm de patilhas fixas à coluna de direção que, independentemente da posição do volante, são alcançáveis por um dos dedos e respondem com um toque e precisão que merece vénia. É das melhores patilhas, senão mesmo as melhores que já alguma vez conduzi.

alfa romeo stelvio
As soberbas e perfeitas patilhas da caixa de velocidades.

Dinamicamente o Alfa Romeo Stelvio é dos melhores do segmento com um comportamento eficaz sem um excessivo adornar da carroçaria e com um bom acerto de suspensão. O conforto aqui é ainda mais favorecido pelas jantes de liga leve de “apenas” 18 polegadas, já que é possível ir até às 20 polegadas como opção.

Não há bela sem senão

Mas não, nem tudo é perfeito, a posição de condução, apesar de mais que razoável, podia ser um pouco mais baixa e os bancos não oferecem o apoio ideal para tirar o máximo partido de tudo o que de melhor este Alfa Romeo Stelvio tem para dar ao volante. A pele dos bancos deixa o corpo escorregar e este é o único fator que nos faz levantar o pé direito nas curvas.

A bagageira com abertura elétrica tem 525 litros, atingindo os 1600 litros com o rebatimento dos bancos traseiros. Valores aceitáveis, ainda que ligeiramente inferiores à concorrência.

alfa romeo stelvio
Jantes de 18 polegadas bem ao estilo da Alfa Romeo.

Coração italiano

Mais opções Diesel
Em Portugal, o Alfa Romeo Stelvio está disponível com três níveis de potência do mesmo motor 2.2 Diesel, todos eles disponíveis apenas com a caixa automática de oito relações. Para além da versão de 210 cv com tração integral, é possível contar com versões de 150 cv e 180 cv do mesmo bloco, ambas com tração traseira.

Não vivendo só de aparências, este Alfa Romeo Stelvio monta um bloco 2.2 Turbo a gasóleo com 210 cv — a versão mais potente deste bloco — capaz de performances bem interessantes para o segmento. Com um funcionamento suave a baixas rotações e que ganha alma logo a partir das 1500 rpm, permitindo performances à altura dos pergaminhos da Alfa Romeo enquanto marca desportiva, como referi logo no início.

A boa insonorização consegue fazer com que o ruidoso motor não incomode demasiado, e os consumos, ainda que aquém dos anunciados, conseguem-se manter nos 7,0 litros.

O conjunto faz do Alfa Romeo Stelvio um bom representante da marca, e são bons motivos para os que procuram um SUV que prima pelo design italiano, com espaço e conforto, sem esquecer a componente dinâmica tão apreciada pelos fãs incondicionais da marca.

Ficha técnica
Alfa Romeo Stelvio 2.2 Turbo Diesel Super Q4
Configurar este modelo

Preço

unidade ensaiada

64.150

Versão base: €57.800

IUC: €255

Classificação Euro NCAP: 5

  • Motor
    • Arquitectura: 4 cilindros em linha
    • Capacidade: 2143 cm3
    • Posição: Dianteira longitudinal
    • Carregamento: Injeção direta
    • Distribuição: 2 a.c.c. / 4 válv. por cilindro
    • Potência: 210 cv às 3750 rpm
    • Binário: 470 Nm às 1750 rpm
  • Transmissão
    • Tracção: Integral
    • Caixa de velocidades: Automática de 8 relações
  • Capacidade e dimensões
    • Comprimento / Largura / Altura: 4687 mm / 1903 mm / 1671 mm
    • Distância entre os eixos: 2818 mm
    • Bagageira: 525 litros
    • Jantes / Pneus: 235/60 R18
    • Peso: 1734 kg
    • Relação peso/potência: 8,25 kg/cv
  • Consumo e Performances
    • Consumo médio: 4,8 l/100 km
    • Emissões de CO2: 127 g/km
    • Vel. máxima: 215 km/h
    • Aceleração: 6,6 s
  • Equipamento
    • Ar Condicionado Automático bi-zona
    • Espelhos retrovisores rebatíveis eletricamente
    • Alfa DNA com seletor de modos de condução
    • Porta da bagageira elétrica
    • Sensor de Chuva
    • Sensor de Luz
    • Sensores de estacionamento traseiros
    • Travão de mão elétrico
    • Luzes traseiras LED
    • Comandos multi-funções
    • Controlo eletrónico de estabilidade
    • Controlo de descidas
    • Sistema de aviso de saída da faixa de rodagem
    • Sistema Hi-Fi com oito colunas
    • Sistema Multimédia Connect Nav 6,5"
    • Jantes em liga leve de 18"
    • Faróis Bi-Xénon
Extras
Patilhas no volante; Teto de abrir panorâmico
Avaliação
8 / 10
Com base na plataforma do Giulia, e com um bom investimento da Alfa Romeo, foi possível fazer do Stelvio uma boa proposta para partilhar também com a família, aliando espaço, qualidade de construção e materiais, equipamento e uma condução invulgar para um SUV.
  • Caixa automática
  • Patilhas do volante
  • Design exterior
  • Dinâmica
  • Apoio lateral dos bancos
  • Sistema de info-entretenimento
Sabes responder a esta?
Como se chama a nova equipa de Fórmula 1 da Alfa Romeo?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Conhece a nova decoração da Alfa Romeo Sauber para 2018

Mais artigos em Ensaio

Os mais vistos