Preparado pelo RML Group

Aston Martin Vulcan já pode circular na estrada… pelo menos, um.

Originalmente concebido apenas para uso em pista, o Aston Martin Vulcan já pode circular na estrada. Ou, pelo menos, este, modificado pelo RML Group.

Concebido e comercializado pela Aston Martin como uma proposta não apenas hiper-exclusiva, mas também para uso apenas e só em pista, há, no entanto, pelo menos um Aston Martin Vulcan, que já pode circular nas estradas públicas. Trata-se da unidade transformada e homologada pelo preparador britânico de carros de competição RML Group… mas que, infelizmente, já tem dono!

Modelo do qual foram produzidas apenas 24 unidades, as quais, embora integralmente pagas e com dono próprio, estão (?) sob responsabilidade da Aston Martin — é a marca que as mantém e assume o transporte das mesmas, para qualquer circuito no globo, onde os respetivos proprietários desejem “dar umas voltinhas”. A verdade é que, esta unidade em concreto, parece ter tido sorte bem diferente. Desde logo, porque o seu dono decidiu pedir ao RML Group para que “transformassem” o superdesportivo, de forma a poder ser homologado para estrada!

Vulcan com nova suspensão… e “Wingdicators”

Concluído o processo de transformação e adaptação aos regulamentos da estrada, o resultado final —  ficou registado num vídeo que aqui te mostramos —, acabou sendo um Vulcan com várias particularidades. Entre as quais, umas inovadoras luzes de mudança de direção colocadas na enorme asa traseira e a que o preparador deu o nome de “Wingdicators”, além de uma nova suspensão que permite elevar o carro em cerca de 30 milímetros. Importante até para aquelas alturas em que nos deparamos com lombas que, a bordo deste Aston Martin Vulcan, devem parecer montanhas.

De resto e mantendo praticamente todos os atributos do Vulcan original, nomeadamente, as distintivas luzes traseiras e os muitos apêndices aerodinâmicos, esta unidade em concreto regista ainda alterações no interior, nomeadamente, através da introdução de novos bancos, mais confortáveis. Princípio, aliás, aplicado igualmente ao resto do habitáculo.

RELACIONADO: Uma volta em Le Mans com o Aston Martin Vulcan

No motor, não se toca!

Intocado permaneceu, pelo contrário, o motor V12 7,0 litros, cuja potência máxima manteve-se nos 831 cv. Porque, o que é bom, não se mexe!

Recorde-se que o Aston Martin foi oficialmente apresentado no Salão Automóvel de Genebra de 2015, embora só tenha começado a ser entregue aos primeiros clientes quase dois anos depois, no início de 2017.

Sabes responder a esta?
Qual a empresa que mais Tesla Semi encomendou até ao momento?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

UPS encomenda 125 unidades do camião elétrico da Tesla

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos