Hiperdesportivo elétrico

Tesla Roadster? Esquece, vem aí a Miss R e é muito mais potente

"Esquece o Tesla Roadster" dizem os os chineses da XING Mobility — apresentaram hoje um superdesportivo elétrico de 1341 cv, capaz de cumprir os 0-100 km/h em 1,8s.

Depois da norte-americana Tesla ter prometido o elétrico mais rápido do mundo, com o seu novo Roadster, a resposta veio da China e de uma desconhecida start-up, que se dedica a sistemas de propulsão elétricos, a XING Mobility.

Este projecto de veículo eléctrico, conta com aptidões para enfrentar o asfalto como para o fora-de-estrada, mas, principalmente, com uma potência declarada de um megawatt. Ou seja, 1 341 cv, o mesmo que um Koenigsegg Agera RS, embora sem motor de combustão.

Miss R

Denominado — de forma carinhosa, certamente… — “Miss R”, o protótipo agora apresentado, tem por base quatro motores elétricos. Os quais, além de garantirem uma tracção integral permanente, são também sinónimo de prestações verdadeiramente assustadoras – a começar, pelos 1,8 segundos que faz na aceleração dos 0 aos 100 km/h, já para não falar nos 5,1 segundos que leva dos 0 aos 200 km/h. Com a velocidade máxima anunciada a surgir aos 270 km/h, valor, ainda assim, aquém dos 402 km/h prometidos pelo Tesla Roadster.

Miss R sem autonomia mas com troca de baterias

Curioso é também o facto da XIN Mobility não anunciar qualquer valor, em termos de autonomia, para este super-carro eléctrico. Ainda que salientando que o modelo estará preparado para poder acomodar sistema de troca de baterias; algo que, garante o fabricante, poderá ser feito em menos de cinco minutos.

Miss R

De resto e ainda sobre as baterias, importa salientar o facto da empresa chinesa ter optado por desenvolver um sistema modular próprio de acomodação das cargas. O qual passa por módulos empilháveis, cada um reunindo um total de 42 células de iões de lítio, perfazendo assim um total de 4 116 células.

Solução que, segundo a XING Mobility, já despoletou o interesse de várias empresas interessadas em adquirir um sistema que pode ser aplicado em veículos diversos, desde camiões a barcos.

Versão de produção em 2019 e por

No entanto e apesar deste interesse, a XING Mobility já revelou que este “Miss R” não deverá dar dar origem a um verdadeiro e completo protótipo antes do final de 2018. Sendo que, uma versão verdadeiramente de produção, está prevista apenas para o início de 2019.

Os responsáveis da start-up sediada em Taipei assumem desde já não pretender construir mais do que 20 unidades. Tendo, inclusivamente, já estipulado o preço de cada carro: um milhão de dólares, ou seja, cerca de 852 mil euros.

Miss R Miss R

Sabes responder a esta?
Qual o motor que equipa o Mini John Cooper Works Rally?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Mini JCW ataca o Dakar 2018, pela primeira vez, em duas frentes

Mais artigos em Notícias