Video

Jeep. Das origens militares ao Wrangler em 2 minutos.

Agora que nos preparamos para uma nova geração do Wrangler, olhamos para o passado revisitando o legado que descansa sobre os seus ombros.

No que toca a ícones automóveis, poucos merecem esse título de forma tão verdadeira como o Jeep. Foi de tal forma marcante que até adotámos e aportuguesámos o seu nome para “jipe”, classificando um certo tipo de veículos com fortes aptidões fora de estrada, e não tão genérica como o acrónimo SUV. Já lá vão sete décadas de história, do primeiro Willys MB ao mais recente Wrangler.

As razões da sua criação remetem para a Segunda Guerra Mundial, e as origens do nome Jeep ainda hoje são alvo de discussão — uma história para outro dia. Na realidade o “Jeep” nasceu como Willys MB (Military B), o modelo que levou de vencida os protótipos semelhantes da Bantam e da Ford — que, curiosamente, também surgem no filme.

O Wrangler mantém-se fiel às origens

O fim da guerra originou o primeiro Jeep para o mundo civil, o CJ (Civilian Jeep) em 1945 e a partir daí a evolução nunca mais pararia. O primeiro Wrangler, substituto do CJ7, seria lançado em 1987 — para os mais nostálgicos, o carro do MacGyver. A terceira geração, lançada em 2007, receberia pela primeira vez uma muito bem sucedida carroçaria de quatro portas e no próximo Salão de Los Angeles, que abre portas no início de dezembro, conheceremos finalmente uma nova geração.

Independentemente do nome, plataforma ou mecânicas, todos os Jipes Civilizados mantiveram-se fiéis às suas raízes, não só pelo design icónico, mas igualmente por continuarem a oferecer excelentes capacidades fora de estrada.

O video, com pouco mais de dois minutos de extensão, é mais uma criação da Donut Media, que já nos tinha trazido publicações semelhantes, como a evolução dos Honda Civic hatchback (dois volumes e cinco portas).

Sabes responder a esta?
O Mercedes-Benz Classe G atingiu este ano um marco de produção. Qual foi?
Não acertaste.

Mas podes descobrir a resposta aqui:

Mercedes-Benz Classe G chega às 300 mil unidades

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos

Pub