Salão de Genebra 2017

Pagani Huayra Roadster: 764 cv de potência com os cabelos ao vento

O Pagani Huayra Roadster pode ter perdido o tejadilho mas é mais leve, mais potente e mais rápido que o irmão coupé.

Nem foi preciso esperar pelo Salão de Genebra. Depois de vários teasers e muita especulação, a Pagani acaba de revelar as primeiras imagens (e especificações) do novo Pagani Huayra Roadster, a versão descapotável do desportivo italiano.

A principal curiosidade prendia-se com a solução que a Pagani encontrou para o tejadilho. A marca italiana vai oferecer dois tipos de tejadilho: o primeiro em fibra de carbono (estilo hardtop) com um vidro central e o segundo com uma capota de lona que pode ser armazenada dentro do próprio carro. Sobre o sistema de abertura das portas, a Pagani não revelou pormenores.

Mais leve, mais potente e mais rápido que a versão coupé. Mas como?

Durante o desenvolvimento do Huayra Roadster, a Pagani fez mais do que simplesmente «amputar» o tejadilho da carroçaria coupé. De acordo com a marca, toda a estrutura do desportivo foi revista, e os novos materiais resultam numa dieta de 80 kg (6%) e no aumento da rigidez torcional.

Pagani Huayra Roadster

No coração do Pagani Huayra Roadster mora uma versão melhorada do motor de arquitetura V12 com 6.0 litros de capacidade, proveniente da Mercedes-AMG. Os números são de cortar a respiração: 764 cv de potência, disponíveis às 6200 rpm, e um binário máximo de 1000 Nm, disponível às 2400 rpm. O Huayra Roadster está equipado com uma caixa automática XTrac de sete velocidades, semelhante à do Huayra BC.

A NÃO PERDER: À descoberta das novas instalações da Pagani em Modena

A lista de modificações completa-se com uma nova suspensão HiForg, desenhada especificamente para o roadster, novos travões em carbono-cerâmica Brembo, pneus Pirelli com inscrições HP (iniciais de Horacio Pagani) e um sistema de controlo de estabilidade com cinco modos de condução distintos.

Quanto às prestações, não se sabe ao certo quão mais rápido é o Pagani Huayra Roadster em relação à variante hardtop. Relembramos que o Pagani Huayra cumpre em 3.3 segundos o sprint dos 0 aos 100 km/h, antes de chegar aos 360 km/h.

Cada um dos 100 exemplares que serão produzidos têm um valor de 2,280,000 € (antes de impostos), um preço exorbitante mas que não afastou os potenciais compradores: as 100 unidades estão todas vendidas. Vamos poder ver o novo Pagani Huayra Roadster ao vivo e a cores no Salão de Genebra, durante a apresentação oficial.

 

Mais artigos em Notícias

Os mais vistos