Ford Escort RS Cosworth com 349 km custou mais que um 911 Carrera S novo

Estamos a guardar energia para o que mais importa.

Leilão

Ford Escort RS Cosworth com 349 km custou mais que um 911 Carrera S novo

Com apenas 349 km, o preço a que foi vendido esta unidade do Ford Escort RS Cosworth reflete o seu estado imaculado.

Nascido como um especial de homologação, o Ford Escort RS Cosworth é um dos hot hatch mais emblemáticos dos anos 90 e um dos mais desejados.

Por isso, quando surge à venda um exemplar com pouquíssimos quilómetros — parece acabado de sair da linha de produção —, é sem surpresa que o vemos ser vendido por quase duas centenas de milhar de euros como é o caso de que falamos hoje.

Anunciado pelos britânicos da KGF Classic Cars, este Escort RS Cosworth foi vendido por umas impressionantes 149 995 libras, o equivalente a 175 438 euros.

A NÃO PERDER: Pode um Ford Fiesta ST vencer um Escort RS Cosworth em circuito?
Ford Escort RS Cosworth (2)

Como termo de comparação, este valor é superior ao pedido, por exemplo, por um Porsche 911 Carrera S acabado de sair do stand.

Peça de coleção

Produzida em outubro de 1995, esta unidade do Ford Escort RS Cosworth foi das últimas a sair da linha de produção e apenas foi registada em agosto de 1996.

Desde então teve dois proprietários e ambos fizeram o mesmo: cuidaram do especial de homologação da Ford como uma peça de coleção.

Por isso mesmo este Escort RS Cosworth percorreu apenas 217 milhas (349 km) em cerca de 27 anos.

Estado imaculado

Tendo em conta o pouquíssimo uso a que foi sujeito, este Escort RS Cosworth é, provavelmente, uma das unidades em melhor estado das 7145 produzidas.

Tanto o exterior como o interior estão «como novos», servindo como uma autêntica máquina do tempo que nos recorda de como eram os automóveis há cerca de três décadas.

Por fim, também o motor parece acabado de montar. Produzido pela Cosworth, este 2.0 l turbo de quatro cilindros e 16 válvulas debita 220 cv . A transmissão está a cargo de uma caixa manual de cinco relações que envia o binário do motor às quatro rodas.

Tudo isto permite à máquina pensada para os ralis cumprir os 0 aos 96 km/h (0 a 60 milhas por hora) em 5,7s e atingir os 225 km/h de velocidade máxima, números particularmente impressionantes na década de 90, quando nasceu o Escort RS Cosworth.

Sabe responder a esta?
Em que ano foi revelada a última geração do Mazda 121?
Não acertou..

Mas pode descobrir a resposta aqui::

Antes do Mazda2 Hybrid, também o Mazda 121 usou a mesma «receita»

Mais artigos em Notícias